sábado, 17 de maio de 2008

PARQUE MATOSINHOS TOUR


Como alguém que abre as portas de sua casa e, com grande generosidade, evidencia a nobre arte de bem receber, o Grupo Desportivo 4 Caminhos voltou a brindar os amantes da Orientação com um delicioso programa, pleno de emoção e requinte, que não deixou ninguém indiferente.

Prova aberta de Orientação Pedestre, o Parque Matosinhos Tour desenrolou-se ao longo da manhã e início da tarde de hoje e contou com a participação de quatro centenas de atletas de todos os escalões e ambos os sexos. Desenrolando-se em diversos palcos do concelho de Matosinhos, aos participantes foi dada a possibilidade de protagonizarem um verdadeiro concerto em três andamentos, com um adágio na Quinta da Conceição, um allegro na Praia de Leça da Palmeira e um grand-finale no Parque do Carriçal.

O programa teve início na Quinta da Conceição, num mapa exigente do ponto de vista físico, com alguns desníveis abrindo-se em vários anfiteatros para o prazer e fruição dos amantes da Orientação. Uma excelente forma de conhecer o principal parque público de Matosinhos, onde pontificam o magnífico portal de estilo manuelino - que pertenceu ao Convento de Nossa Senhora da Conceição da Ordem de S. Francisco, aqui instalado em 1481 – o antigo claustro, alguns chafarizes monumentais e a Capela de S. Francisco.

A etapa seguinte teve lugar na Praia de Leça da Palmeira onde, pela primeira vez em Portugal, teve lugar uma prova de “orient-show”, demonstração em campo aberto duma prova de Orientação. Num mapa bastante simples, o elemento de dificuldade era conferido pela multiplicidade de pontos, implicando elevados níveis de concentração. Muito bem estruturada, a prova constituiu uma enorme surpresa e mereceu da parte de todos os mais rasgados elogios.

Com assento no Parque do Carriçal, o último episódio do evento levou os participantes ao encontro dum terreno eminentemente urbano, num mapa com algumas exigências do ponto de vista técnico e onde seria fácil perder preciosos segundos. No conjunto das três etapas, esta afigurou-se como a de maior grau de exigência e mais ao gosto do orientista “puro e duro”.

Mas o Parque Matosinhos Tour foi também convívio, descontracção, lazer, num hino às boas práticas de vida saudável. Foi ver os miúdos do Desporto Escolar arrastarem pais e mães para a partilha de momentos de inesquecível prazer. Foi apreciar como um grupo de enfermeiras estagiárias da Universidade Católica deixou por momentos as acções de rastreio de doenças metabólicas e cárdio-vasculares e, de mapa na mão, se dispôs a ir ao encontro dos pontos no terreno. Foi ver o “padrinho do evento”, Paulo Catarino, despir a pele do atleta e vestir a do orientista. E foi ver, acima de tudo, que o unido e coeso Grupo Desportivo 4 Caminhos continua a surpreender, a inovar e a querer mostrar que o céu é o limite.


Resultados completos em http://www.gd4caminhos.com/content/view/428/424/

Saudações orientistas.

JOAQUIM MARGARIDO

Sem comentários: