domingo, 19 de abril de 2015

Vila do Conde City Race 2015: Triunfos de Tiago Gingão Leal e Carolina Delgado



Depois dos triunfos na jornada inaugural do Portugal City Race 2015, realizada em Braga no final do passado mês de Março, Tiago Gingão Leal e Ana Carolina Delgado voltaram a não dar hipóteses à concorrência. Na cidade do Ave, a dupla do GD4C teve uma prestação irrepreensível, levando de vencida de forma categórica o Vila do Conde City Race.


“Espraiada entre pinhais, rio e mar”, como a cantou José Régio, a cidade de Vila do Conde foi palco do Vila do Conde City Race 2015, segunda etapa do Portugal City Race 2015 e prova pontuável para o Circuito Nacional Urbano CiNU 2015. Constituído por três etapas – uma das quais de Orientação Adaptada [ver notícia AQUI] – e acolhendo um total de 220 participantes, o evento foi organizado pelo Grupo-Equipa de Desporto Escolar de Orientação da Escola Básica de Júlio-Saúl Dias e do Grupo Desportivo dos Quatro Caminhos, contando com os apoios da Câmara Municipal de Vila do Conde, Federação Portuguesa de Orientação, Associação Nacional do Desporto para a Deficiência Intelectual – ANDDI Portugal e Instituto Português do Desporto e da Juventude.

No escalão de Séniores Masculinos, Tiago Gingão Leal (GD4C) não teve adversários à altura, demonstrando desde o primeiro momento um domínio avassalador, traduzido em 29 melhores parciais dos 30 que compunham o seu percurso. Não admira, pois, a diferença final de 11:16 para o segundo classificado, o espanhol Maikel Rodriguez Dominguez (Individual), e de 17:36 sobre o terceiro classificado, André Fonseca (Individual). No setor feminino, Carolina Delgado (GD4C) conseguiu igualmente impor-se por margem confortável às suas adversárias mais diretas, concluindo o seu percurso em 41:07 e deixando a segunda classificada, Joana Fernandes (.COM) a 2:59 de diferença. Refira-se, contudo, que o resultado é um pouco mais enganador do que possa parecer, visto Joana Fernandes ter chegado a liderar a prova no início e de se ter mantido sempre a uma distância de Carolina Delgado inferior a um minuto. Foi já na parte final, no antepenúltimo ponto, que a atleta minhota acabou por claudicar definitivamente, cometendo um erro que a fez perder mais de dois minutos para a vencedora. A terceira posição coube à espanhola Carlota Fernández (Individual), a 7:40 de Carolina Delgado.

A encerrar o programa deste Vila do Conde City Race 2015, o Super Sprint disputado nas instalações da Escola Júlio-Saúl Dias contou com a participação de sete dezenas de atletas e teve em João Pedro Casal (AE Ermesinde) e Maria João Sá (GD4C) os grandes vencedores no escalão Longo, em ambos os casos por margens confortáveis. No escalão Médio, as vitórias couberam a Pedro Tiago Gomes (Individual) e Bruna Miranda (EB Apúlia), enquanto Diogo Neto (CO Viseu – Natura) venceu o escalão Curto / Iniciação. O Portugal City Race 2015 prossegue no próximo dia 17 de Maio, com a bonita cidade de Barcelos a receber a terceira etapa do certame. Saiba mais em http://www.cityrace.pt/.


Resultados

Seniores Masculinos
1. Tiago Gingão Leal (GD4C) 43:25
2. Maikel Rodriguez Dominguez (Individual ESP) 54:41 (+ 11:16)
3. André Fonseca (Individual) 1:01:01 (+ 17:36)
4. Ricardo Fernández (Individual ESP) 1:02:42 (+ 19:17)
5. Joel Pinto (AD Cabroelo) 1:03:27 (+ 20:02)

Seniores Femininos
1. Carolina Delgado (GD4C) 41:07
2. Joana Fernandes (.COM) 44:06 (+ 02:59)
3. Carlota Fernández (Individual ESP) 48:47 (+ 07:40)
4. Daniela Alves (AD Cabroelo) 49:43 (+ 08:36)
5. Susana Almeida (CO Viseu – Natura) 52:17 (+ 11:10)

Outros escalões
Juvenis M/F – João Pedro Casal (AE Ermesinde) e Eduarda Moreira (AD Cabroelo)
Juniores M/F – Francisco Abreu (.COM) e Raquel Martins (NAST)
Veteranos I M/F – António Amador (Ori-Estarreja) e Helena Sousa (OriMarão)
Veteranos II M/F – José Fernandes (.COM) e Hermínia tavares (CO Viseu – Natura)
Veteranos III M/F – Armandino Cramez (Ori-Estarreja) e Marke Jalkanen (VaHa)
Formação – Lara Monte (EB Apúlia)
Aberto Curto – Ivo Canito (Os Rompe Solas)
Aberto Médio – Rui Oliveira (Ori-Estarreja)
Aberto Longo – Bruno André (OriMarão)


Saudações orientistas.

Joaquim Margarido

Sem comentários: