sábado, 28 de fevereiro de 2015

AOM 2015: Hubmann e Mironova vencem na Média, Michiels e Mironova triunfam no Sprint



Daniel Hubmann e Svetlana Mironova foram os grandes vencedores da etapa de Distância Média WRE, a mais importante desta edição do Andalucia O' Meeting, disputada na manhã de hoje. Da parte da tarde, num Sprint igualmente pontuável para o ranking mundial, Mironova repetiu o triunfo na Elite feminina, enquanto a vitória no escalão de Elite masculina coube a Yannick Michiels.


Após um prólogo particularmente animado e concorrido e que teve na norueguesa Siri Ulvestad (Nydalens SK) e no britânico Murray Strain (Interlopers) os vencedores nos escalões de Elite, chegou o momento mais esperado, na manhã de hoje, com a disputa da prova de Distância Média WRE do Andalucia O' Meeting 2015. Com 6,8 km e 25 pontos de controlo para a Elite masculina e 5,4 km e 21 pontos de controlo para a Elite feminina, a prova decorreu no mapa de floresta de Cartaya, nas imediações de Punta Umbría e contou com a participação de 779 atletas nos escalões de competição, aos quais se devem somar perto de uma centena nos escalões abertos.

Dados como grandes favoritos à partida, o suiço Daniel Hubmann (Kristiansand OK) e a russa Svetlana Mironova (KooVee) foram os grandes vencedores. Hubmann cumpriu o seu percurso em 32:44, tendo dominado a prova por completo a partir do 8º ponto. O letão Edgars Bertuks (TuMe) ainda chegou a comandar a prova, mas um erro de mais de um minuto para o 8º ponto acabou por se revelar fatal às aspirações do atleta. O letão viria a concluir na terceira posição a 2:02 de Hubmann, enquanto a segunda posição viria a pertencer ao britânico Alasdair McLeod (Clydeside Orienteers), com o tempo de 34:23. Destaque ainda para o excelente resultado do português Tiago Gingão Leal (GD4C), 8º classificado com o tempo de 36:59. No escalão de Elite feminina, Svetlana Mironova fez uma prova não isenta de erros – perdeu dois minutos nas duas pernadas longas -, acabando por vencer com o tempo de 34:53, batendo a finlandesa Heini Saarimäki (Angelniemen Ankkuri), segunda classificada, pela margem de 13 segundos apenas. Marttiina Joensuu (SK Pohjantähti), com o tempo de 35:29, concluiu na terceira posição, enquanto a melhor atleta portuguesa neste escalão, Raquel Costa (GafanhOri), alcançou um muito honroso 9º lugar, com o tempo de 38:18. Uma palavra ainda para o português Manuel Dias (Lisboa OK) vencedor do escalão H60 e para o terceiro lugar de Roy Dawson (GafanhOri) em H65.

Disputada no centro urbano de Punta Umbría, a etapa de Sprint tomou conta do programa competitivo da parte da tarde e teve no belga Yannick Michiels (TuMe) o grande vencedor em 14:00 para 3,5 km de prova e 20 pontos de controlo. Os britânicos Scott Fraser (TuMe) e Alasdair McLeod terminaram por esta ordem nas posições imediatas, com mais 8 e 20 segundos, respetivamente que o vencedor. Tiago Gingão Leal repetiu o 8º lugar da etapa da manhã, tendo gasto mais 1:10 que o vencedor e cotando-se novamente como o melhor português. Na Elite feminina, Svetlana Mironova voltou a não dar hipótese à concorrência, cumprindo o seu percurso de 2,9 km e 15 pontos de controlo em 13:51, contra os 13:55 de britânica Ruth Holmes (Southern Navigators), segunda classificada. A terceira posição foi ocupada pela norueguesa Marte Narum, com mais 20 segundos que a vencedora. Raquel Costa voltou a ser a melhor portuguesa, concluindo no 11º lugar com o tempo de 15:15. Participaram na prova 527 atletas, dos quais 500 nos escalões de competição e os restantes no escalão Open.

Resultados completos e demais informação em http://andaluciaomeeting.com/.

[Foto: Andalucia O Meeting / facebook.com/AndaluciaOMeeting]


Saudações orientistas.

Joaquim Margarido

Sem comentários: