domingo, 5 de outubro de 2014

Porto City Race 2014: A festa da Orientação faz-se a norte



Os portugueses do .COM e as britânicas do SLOW foram os vencedores da Estafeta Sénior que ontem dominou as atenções da Porto City Race 2014. Numa amena manhã de Outono, o segundo dia do evento chamou ao Parque da Cidade do Porto quase quatro centenas de participantes, oferecendo igualmente uma prova de score e ainda um percurso formal para os menos familiarizados com a modalidade.


O vasto e belo espaço verde do Parque da Cidade do Porto voltou a receber um evento de Orientação com a assinatura organizativa do Grupo Desportivo dos Quatro Caminhos. Numa manhã perfeita para a prática da modalidade, a segunda etapa da Porto City Race 2014 contou com uma participação a rondar as quatro centenas de atletas, tendo na prova de Estafeta o seu principal aliciante. Constituída por Sérgio Duarte, Rodrigo Magalhães e João Novo, a turma bracarense do .COM foi a grande vencedora da Estafeta Masculina, impondo-se aos Amigos da Montanha por quase dois minutos de diferença. Maior foi a vantagem das britânicas do SLOW – com Helen Gardner, Ester Bonmati e Tekle Gvildyte -, superiorizando-se em quase vinte e dois minutos às portuguesas do Ori-Estarreja. O .COM venceu igualmente e de forma clara as Estafetas Jovens, enquanto o triunfo nos Veteranos Masculinos e Femininos pertenceu às turmas britânicas do SLOW. Finalmente, uma nota para o triunfo dos “Orientistas” João Mega Figueiredo, Paulo Franco e Luís Nóbrega na Estafeta Popular Curta e para a vitória da ADFA – com Albertina Sá, Gonçalo Pirrolas e Manuel Lopes – na Estafeta Popular Longa.

No Score, o desafio dos 1000 pontos para um tempo limite de 90 minutos foi superado por 26 atletas dos mais de 150 que participaram na prova, com Bruno André (Individual) e a italiana Mara Pegoretti (AD Trento Orienteering) a levarem de vencida o escalão Sénior Masculino e Feminino, respetivamente. Tomás Lima (OriMarão) e Filipa Castro (.COM) venceram nos Jovens, enquanto José João Ferreira e Teresa Alves, ambos do OriMarão, triunfaram em Veteranos. Uma palavra ainda para a bela e sentida homenagem de que foi alvo o atleta Joaquim Sousa, um “histórico” da Orientação em Portugal e da Porto City Race e a quem o Grupo Desportivo dos Quatro Caminhos, num gesto de enorme significado, prestou o devido reconhecimento.

De sexta feira chegam ainda os ecos do Sprint urbano noturno que abriu a terceira edição da Porto City Race e que, pleno de emoção e desafio, tomou conta do Centro Histórico da Invicta. Num mapa muito exigente do ponto de vista físico, o português João Mega Figueiredo (CN Alvito) levou a melhor sobre o lituano Jonas Vytautas Gvildys (OK Medeina) pela escassa margem de nove segundos, vencendo o escalão Sénior Masculino. A irmã mais nova de Gvildys, Tekle Gvildyte (OK Medeina), triunfou no escalão Sénior Feminino, batendo a checa Stepanka Betkova (Ginásio CF) por uma diferença de 37 segundos. O .COM levou de vencida a competição nos cinco escalões etários mais jovens, enquanto os atletas estrangeiros – num total aproximado de uma centena, em representação de onze países – dominaram por completo a competição nos escalões de Veteranos, com cinco triunfos britânicos e um para a Bélgica.



Saudações orientistas.

Joaquim Margarido

Sem comentários: