sábado, 26 de julho de 2014

JWOC 2014: Ouro na Distância Média para Kirmula, Tommer e Hagström



Miika Kirmula em masculinos e Sina Tommer e Sara Hagström, ex-aequo, em femininos, levaram de vencida a Final A de Distância Média, conquistando os últimos títulos individuais destes Campeonatos do Mundo de Juniores de Orientação Pedestre JWOC 2014. Kirmula e Tommer ofereceram à Finlândia e Suiça, respetivamente, o primeiro ouro nestes Mundiais, enquanto Sara Hagström confirmou o seu extraordinário valor, sendo coroada a rainha dos Campeonatos.


Depois das séries qualificatórias disputadas ontem, o JWOC 2014 regressou ao mapa de Zheleznica para a disputa das finais de Distância Média. Sessenta atletas masculinos e outros tantos femininos, em representação de vinte e cinco países, disputaram a Final A, lutando entre si pela conquista dos derradeiros títulos individuais em disputa na presente edição da prova. De fora da luta pelas medalhas ficaram alguns nomes sonantes como os do sueco Assar Hellstrom, o dinamarquês Thor Nørskov, o belga Tristan Bloemen, o neo-zelandês Tim Robertson, a finlandesa Anna Haataja e a norueguesa Heidi Mårtensson, entre outros. De fora ficaram também os quatro atletas portugueses, sendo de realçar que Luís Silva falhou o apuramento para a final ao concluir na 21ª posição, a 14 segundos do ucraniano Yuriy Badan, 20º classificado na 1ª série de qualificação.

Suécia com onze atletas, Finlândia com dez e Dinamarca, Rússia e Suiça, todos com nove atletas, marcavam posição na linha da frente para a conquista dos lugares de honra, mas foi o italiano Riccardo Scalet a dar a primeira grande nota de sensação na Final A masculina, alcançando muito cedo o melhor tempo com 30:19 para 3,8 km de prova, isto numa altura em que faltavam ainda partir um total de vinte e um atletas (!). Primeiro o neo-zelandês Nick Hann, depois o austríaco Xander Berger e, quase uma hora mais tarde, o finlandês Olli Ojanaho, foram ameaçando o lugar do italiano, que todavia permanecia sentado no “trono”, controlando estoicamente a ansiedade crescente à medida que novo atleta cruzava o finish. Até que... Miika Kirmula, o finlandês que havia levado de vencida a segunda série qualificatória e, por isso mesmo, o penúltimo a partir, bateu finalmente o tempo de Scalet, estabelecendo a extraordinária marca de 28:58 e dando à Finlândia a sua primeira medalha de ouro nestes Campeonatos. Com esta medalha de prata, Riccardo Scalet entra para a história como o primeiro atleta italiano a chegar ao pódio nos Mundiais de Juniores.

A história da Final A feminina tem contornos muito idênticos àqueles do setor masculino mas, se quisermos, mais “requintados” ainda. Penúltima classificada na sua série qualificatória de ontem, a helvética Sina Tommer foi a sexta atleta a partir e... a primeira a chegar. O tempo de 28:43 para 2,8 km de prova era sem dúvida excelente, mas a organização estabelecera uma estimativa de 25 minutos para o vencedor e faltavam chegar 59 (!) atletas. A verdade é que o tempo passou, passou, passou e... uma hora e quarenta e cinco depois, chegava a sueca Sara Hagström com o tempo de 28:43, igualando a prestação de Tommer. Não foi preciso esperar muito mais para perceber que, das duas últimas atletas a partir, a dinamarquesa Cecilie Friberg Klysner fez “mp” e a sueca Johanna Oberg esteve irreconhecível, não indo além do 41º lugar final. A vitória ex-aequo de Sina Tommer e Sara Hagström – algo que sucede pela primeira vez no setor feminino, em 25 edições do JWOC - estava consumada. A Suiça chega assim, pela primeira vez nestes Mundiais, à medalha de ouro, enquanto Sara Hagström soma ao ouro no Sprint e à prata na Longa, novo ouro, agora na Distância Média, alcançando a segunda melhor performance de sempre em provas individuais dos Campeonatos do Mundo de Juniores, atrás da dinamarquesa Ida Bobach que, em 2011, ganhou tudo o que havia para ganhar.


Resultados

Masculinos

1. Miika Kirmula (Finlândia) 28:58
2. Riccardo Scalet (Itália) 30:19 (+ 01:21)
3. Olli Ojanaho (Finlândia) 30:29 (+ 01:31)
4. Xander Berger (Áustria) 30:44 (+ 01:46)
5. Nick Hann (Nova Zelândia) 30:47 (+ 01:49)
6. Jonas Egger (Suiça) 30:50 (+ 01:52)
7. Konstantin Serebryanitsk (Rússia) 31.33 (+ 2:35)
8. Rudolfs Zernis (Letónia) 31:36 (+ 02:38)
9. Dmitry Naumov (Rússia) 32:02 (+ 03:04)
10. Nicolas Rio (França) 32:12 (+ 03:14)

Femininos

1. Sara Hagström (Suécia) 28:43
1. Sina Tommer (Suiça) 28:43 (+ 00:00)
3. Andrea Svensson (Suécia) 29:56 (+ 01:13)
4. Tilda Johansson (Suécia) 30:01 (+ 01:18)
5. Gunvor Hov Høydal (Noruega) 30:13 (+ 01:30)
6. Zoe Harding (Grã-Bretanha) 30:53 (+ 02:10)
7. Emmi Jokela (Finlândia) 31:58 (+ 03:15)
8. Miri Thrane Ødum (Dinamarca) 32:28 (+ 03:45)
9. Sandrine Mueller (Suiça) 32:33 (+ 03:50)
9. Jannina Gustafsson (Finlândia) 32:33 (+ 03:50)

Mais informações e resultados completos em http://jwoc2014.bg/.

[Foto: JWOC 2014 Bulgaria | Junior World Orienteering Championships 2014 / facebook.com/jwoc2014]


Saudações orientistas.

Joaquim Margarido

Sem comentários: