sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

PreO Challenge - Maia Cidade Europeia do Desporto 2014: Pontapé de saída da Taça de Portugal de Orientação de Precisão 2014



A Taça de Portugal de Orientação de Precisão 2014 dá o pontapé de saída no próximo dia 9 de fevereiro no Parque do Avioso, na Maia. Organizado pelo Grupo Desportivo dos Quatro Caminhos, o PreO Challenge – Maia Capital do Desporto está aí para desafiar os grandes especialistas portugueses desta exigente disciplina, ao mesmo tempo que abre o seu espaço à Orientação Adaptada.


O bonito e bem cuidado espaço verde do Parque do Avioso foi o palco escolhido pelo Grupo Desportivo dos Quatro Caminhos para levar a efeito o PreO Challenge – Maia Capital do Desporto. O evento terá lugar no dia 9 de fevereiro, escassas horas após a Cerimónia de Abertura da “Maia Cidade Europeia do Desporto 2014”, congregando um conjunto de atividades particularmente voltadas para o Desporto Adaptado e que se distribuem pela Orientação Adaptada e pela Orientação de Precisão.

O espaço da manhã, entre as 10h00 e as 12h00, será dedicado à Orientação Adaptada, com a disputa da primeira etapa da recém-criada Taça de Portugal de Orientação Adaptada ANDDI, uma iniciativa conjunta da Federação Portuguesa de Orientação e da ANDDI – Portugal, Associação Nacional de Desporto para a Deficiência Intelectual. O percurso de competição servirá igualmente de palco à Atividade Adaptada, aberta a toda a população, com particular incidência nas pessoas portadoras de deficiência intelectual e nas crianças em idade pré-escolar e escolar, entre os 4 e os 6 anos. A atividade adaptada pode ser praticada individualmente ou em grupo, sempre com acompanhamento de um monitor, tornando-se num veículo lúdico e de aprendizagem por excelência.


Nomes e números

Com início às 13h00, a competição de Orientação de Precisão promete pôr à prova as capacidades intelectuais e o sentido de estratégia de muitos dos bons valores nacionais desta disciplina, tanto na Classe Aberta como na Classe Paralímpica. A prova disputa-se ao longo de 16 pontos + 2 pontos cronometrados, distribuídos por um percurso com 2.400 metros (desnível positivo acumulado de 50 metros). Após a partida do último atleta, terá início uma atividade de Iniciação, com apenas 10 pontos e ainda os dois cronometrados, aberta a todos aqueles que desejam ter um primeiro contacto com a disciplina. O mapa, realizado segundo a normativa ISSOM e atualizado em janeiro de 2014, tem a escala de 1:4.000 e uma equidistância de 2,5 metros. Joaquim Costa é o Diretor do Evento, devidamente coadjuvado por Luís Leite que assina o traçado de percursos. Nuno Pires, o vencedor da Taça de Portugal na passada temporada, é o Supervisor FPO.

Quanto aos intervenientes, destaque para os “internacionais” Ricardo Pinto (DAHP), na Classe Paralímpica, e para Joaquim Margarido (Individual), na Classe Aberta. Ambos vão querer garantir já na Maia um lugar na seleção das quinas que irá disputar o Campeonato da Europa de Orientação de Precisão, que decorrerá em Palmela, de 11 a 16 de Abril. Com cinco atletas paralímpicos inscritos, o DAHP mostra uma vez mais o porquê de ser uma das maiores referências da Orientação de Precisão em Portugal, apresentando para além de Ricardo Pinto outro atleta com fundadas expectativas em carimbar o passaporte para os Europeus: Júlio Guerra. Na Classe Aberta, destaque também para Cláudio Tereso (ATV), uma das revelações da temporada passada e uma das grandes sensações da última prova da Taça de Portugal 2013, onde marcou presença no pódio. Uma palavra ainda para António Hernández, o lionês que preside aos destinos da Orientação de Precisão no país vizinho e que estará na Maia na qualidade de observador.



Saudações orientistas.

Joaquim Margarido

Sem comentários: