quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

ORIENTAÇÃO DE PRECISÃO: PERGUNTAS E RESPOSTAS



Durante o Clinic Internacional de Técnicos FEDO, realizado em Alicante no passado mês de novembro, uma questão relacionada com a Orientação de Precisão ficou por clarificar. Face à alteração das regras para 2014 no que aos pontos cronometrados diz respeito, qual a definição do tempo atribuído a um atleta que, numa estação com dois pontos cronometrados, responda apenas a um dos problemas? O Orientovar foi ao encontro de Martin Fredholm, membro da Comissão de Trail-O da IOF e Vice-Campeão do Mundo em título, partilhando aqui e agora os seus esclarecimentos.


Os mais familiarizados com a Orientação de Precisão já se terão dado conta, mas nunca é demais recordar: O Regulamento de Competições de eventos IOF de Orientação de Precisão sofreu algumas atualizações e o documento válido a partir do dia 1 de janeiro de 2014 leva precisamente essas alterações já em linha de conta. Uma delas tem a ver com a regra 17.6 e cujo teor refere que “em cada estação de pontos cronometrados numa competição de PreO o tempo máximo total é de 30 segundos multiplicado pelo número de pontos cronometrados. Serão registados o tempo total e as respostas individuais de cada um dos pontos cronometrados.”

Mais do que referir que a grande alteração neste ponto em relação ao anteriormente em vigor tem a ver com a passagem de 60 para 30 segundos do tempo máximo total multiplicado pelo número de pontos cronometrados, importa perceber que o que suscitou a dúvida foi a redação do período final, onde se lê que “serão registados o tempo total e as respostas individuais de cada um dos pontos cronometrados.” O “cada” refere-se apenas às “respostas individuais” ou também ao “tempo total”? Tem a palavra o sueco Martin Fredholm, esclarecendo as dúvidas e acrescentando um punhado de exemplos.


O que dizem os regulamentos

"As respostas podem ser encontradas nos pontos 17.6, 17.9 e 25.2, ainda que a redação deste último ponto possa não ser tão bem conseguida quanto seria de desejar. Aqui apenas é levado em consideração o sucedido numa estação de controlo com um único ponto cronometrado. Mas combinando esta situação com o referido em 17.6 e em 17.9, teremos o seguinte:

  • O tempo máximo é de 30 segundos multiplicado pelo número de pontos cronometrados da estação de controlo;
  • Se todas as respostas forem dadas dentro do tempo limite permitido, é o tempo da última resposta que é registado;
  • Se nem todas as respostas forem dadas dentro do tempo limite permitido, é esse tempo limite que é registado;
  • Por cada resposta incorreta ou inexistente, serão acrescentados 60 segundos ao tempo registado, a título de penalização.


A título de exemplo

Tomando como exemplo uma estação de controlo com dois pontos cronometrados - em que o tempo limite será de 60 segundos (!) - teremos as seguintes situações hipotéticas para um tempo de resposta de 52 segundos:

  • Ambas as respostas estão corretas, logo o tempo registado será de 52 segundos;
  • Apenas uma das respostas está correta, pelo que o tempo registado será de 52 + 60 segundos (penalização por uma resposta incorreta) = 112 segundos;
  • Ambas as respostas estão incorretas, pelo que o tempo registado será de 52 + 2 x 60 segundos (penalização por duas respostas incorretas) = 172 segundos;
  • Apenas uma resposta é dada dentro do tempo limite e está correta, logo o tempo registado será de 60 segundos (tempo limite) + 60 segundos (resposta inexistente) = 120 segundos;
  • Apenas uma resposta é dada dentro do tempo limite e está incorreta, logo o tempo registado será de 60 segundos (tempo limite) + 60 segundos (resposta incorreta) + 60 segundos (resposta inexistente) = 180 segundos;
  • Nenhuma resposta é dada dentro do tempo limite, logo o tempo registado será de 60 segundos (tempo limite) + 2 x 60 segundos (respostas inexistentes) = 180 segundos."


O Regulamento de Competições de eventos IOF de Orientação de Precisão 2014 pode ser consultado em http://orienteering.org/wp-content/uploads/2010/12/Competition-Rules-for-IOF-Trail-Orienteering-Events-2014.pdf.


Saudações orientistas.

Joaquim Margarido

Sem comentários: