sexta-feira, 27 de setembro de 2013

RICARDO PINTO: "UMA EXCELENTE OPORTUNIDADE PARA EXPERIMENTAR O TEMP-O"



É o autor do Cartaz do III Open de Orientação de Precisão do Hospital da Prelada e fomos ao seu encontro. A poucas horas da realização deste evento singular, Ricardo Pinto fala da sua obra, das expectativas em torno do evento e dirige-se aos mais indecisos, aconselhando-os a não perder aquilo que designa por “oportunidade única”.


Quer explicar, de forma breve, como viu o convite para desenhar o Cartaz e quais os motivos que o inspiraram a atingir este que é o produto final?

Ricardo Pinto (R. P.) - Vi o convite com satisfação e grato por confiarem em mim para o desenvolvimento do trabalho. A inspiração foi surgindo à medida que fui desenhando o cartaz e tentei sempre ter duas vertentes do mesmo para poder estabelecer uma comparação entre dois produtos. Baseei-me no produto final com alguns elementos relativos à natureza, uma vez que é a parte elementar para a Orientação e também algumas imagens relativas à atividade.

É mais fácil fazer um Cartaz ou uma prova de Orientação de Precisão?

R. P. - Para mim ambas são relativamente desafiantes, mas fazer o cartaz não foi difícil uma vez que trabalho na área de Design Gráfico.

Vai participar no I Troféu Nacional de TempO, sendo dos pouquíssimos atletas em Portugal que já experimentou esta disciplina da Orientação de Precisão. Quer falar-nos um pouco das suas experiências e daquilo que é o TempO?

R. P. - O TempO é apenas pontos cronometrados, o que requer uma concentração elevada. Além de que temos que ser extremamente rápidos a responder e de preferência acertadamente. É uma disciplina que requer muito treino para poder identificar adequadamente o terreno e dessa forma responder o mas rápido possível.

Se lhe derem a escolher entre uma prova de TempO ou de Orientação de Precisão, por qual optaria?

R. P. - Optaria sem dúvida pela Orientação de Precisão uma vez que não temos a pressão do tempo para dificultar. Mas podendo, faria sempre ambas as provas.

Que desempenho espera ter na prova do próximo sábado?

R. P. - Espero ter um bom desempenho uma vez que não é o meu primeiro contacto com esta modalidade. Mas sábado veremos.

Quer deixar uma palavra aos indecisos?

R. P. - Aos indecisos gostaria de dizer que têm aqui uma excelente oportunidade para experimentar o TempO. É muito gratificante porque podemos testar o nosso nível de concentração e também melhorar a nossa prestação nos pontos cronometrados da Orientação de Precisão. Possivelmente esta será a única oportunidade de fazer uma prova deste género antes do Europeu em 2014 de Palmela e aconselho a que não a desperdicem.


Saudações orientistas.

JOAQUIM MARGARIDO
 

Sem comentários: