sábado, 22 de junho de 2013

CAMPEONATO DA EUROPA DE ORIENTAÇÃO EM BTT 2013: FINLÂNDIA DESPEDE-SE DOS EUROPEUS COM NOVA MEDALHA DE OURO



Jussi Laurila e Marika Hara voltaram a inscreveram a ouro o nome da Finlândia no livro de honra dos Campeonatos Europeus de Orientação em BTT 2013, que hoje chegaram ao fim em Zamosc. Uma vitória histórica naquela que foi a estreia da variante de Sprint Estafeta Mista nos Europeus.


Foi em festa que chegaram ao fim os VI Campeonatos da Europa de Orientação em BTT, com a espetacularidade inerente às provas de Estafeta a ganhar um novo élan nesta variante de Sprint Misto. O modelo já tinha sido ensaiado em anteriores ocasiões, nomeadamente em provas pontuáveis para a Taça do Mundo, tendo chegado agora aos Campeonatos da Europa onde colocou um ponto final na edição de 2013. [Só em 2014 - e a título “não oficial” - a variante de Estafeta Mista de Sprint marcará presença no programa dos Campeonatos do Mundo que se realizarão em Bialystok, também aqui na Polónia.]

Treze equipas de dois elementos alinharam à partida, cada um deles preparado para cumprir alternadamente dois percursos. Constituída por Jussi Laurila e Marika Hara, a equipa da Finlândia confirmou todo o favoritismo que lhe era atribuído, levando de vencida a prova com um registo de 57:12. Ruslan Gritsan e a muito jovem Svetlana Poverina concluiram na segunda posição com mais 1:51 que os vencedores, depois de Gritsan ter entrado para o decisivo percurso na quarta posição, a 15 segundos da República Checa e a 13 segundos da Suiça. Suiça que, com Ursina Jäggi e Christian Wuthrich viria a ser a terceira classificada, enquanto os checos caíam para o 5º lugar depois duma prestação menos feliz de Frantisek Bogar no derradeiro percurso. À beira das medalhas ficaram Anna Kaminska e Maciej Gromadka, oferecendo à Polónia a 4ª posição, a melhor alcançada pela “equipa da casa” nos Campeonatos. A Suécia, com a Campeã da Europa de Distância Longa, Cecilia Thomasson e Anders Frisk, acabou por ser desclassificada por “mp” de Frisk já no último percurso.


Finlândia domina Europeus

Dando agora uma vista de olhos pelo medalheiro dos Campeonatos [ver imagem acima], percebe-se que as quinze medalhas tiveram como destinatários atletas de oito países. Com três medalhas de ouro individuais e um pleno vitorioso nas Estafetas, a Finlândia foi a grande dominadora destes Europeus, seguida da Rússia, Suécia e Grã-Bretanha, todas elas com uma medalha de ouro. Em termos individuais, um nome se destaque de todos os restantes e esse é o de Jussi Laurila, com quatro medalhas de ouro conquistadas (Sprint, Distância Longa, Estafetas e Estafeta Mista de Sprint). As finlandesas Marika Hara (ouro no Sprint, Estafeta e Estafeta Mista de Sprint) e Ingrid Stengard (ouro na Estafeta e bronze no Sprint e na Distância Média), os russos Valeriy Glukhov (ouro na Distância Média e prata na Estafeta e na Distância Longa) e Ruslan Gritsan (prata no Sprint, na Estafeta e na Estafeta Mista de Sprint), a sueca Cecilia Thomasson (ouro na Distância Longa e prata na Distância Média) e a britânica Emily Benham (ouro na Distância Média) são igualmente nomes que ficam para a história destes Europeus.

Contudo, se alargamos o âmbito dos lugares de honra até à 6ª posição, é possível encontrarmos nas provas individuais outros países tais como a Itália (Luca Dallavalle foi 4º na prova de Sprint e Laura Scaravonati terminou em 6º lugar na prova de Distância Média), a Estónia (Tõnis Erm foi 5º na prova de Distância Média e terminou na 6ª posição na etapa de Sprint) e mesmo a Áustria (Michaela Gigon, nome maior da Orientação em BTT mundial, concluiu na 5ª posição a etapa de Distância Média). Já nas provas de Estafeta, a França foi 4ª classificada na prova masculina e a Lituânia concluiu no 6º lugar, tanto em masculinos como em femininos. Já na Estafeta Mista de Sprint, a Polónia alcançou o seu melhor resultado graças ao 4º lugar conseguido, como aliás foi referido antes.

A Orientação em BTT ao mais alto nível estará de regresso no dia 26 de Agosto para a disputa da prova de Sprint que abrirá o programa competitivo dos Mundiais 2013, que terão lugar em Rakvere, Lääne-Viru County, Estónia. Os últimos resultados dos Europeus podem ser conferidos em http://www.emtboc2013.pl/.


Saudações orientistas.

JOAQUIM MARGARIDO

Sem comentários: