terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

PORTUGAL O' MEETING 2013: THIERRY GUEORGIOU E SIMONE NIGGLI FAZEM O PLENO




No culminar duma campanha plena de sucesso, Thierry Gueorgiou e Simone Niggli fizeram aquilo que melhor sabem fazer: ganhar! Foram eles os grandes vencedores do Portugal O' Meeting 2013, demonstrando categoricamente o porquê de serem os melhores orientistas de sempre.


Banhada pela luz dum sol imenso, a fabulosa Arena do POM 2013, no Cidral (Idanha-a-Nova), esteve hoje mais animada e fervilhante que nunca. Afinal o maior evento de Orientação Pedestre do nosso país aproximava-se rapidamente do fim e todos os participantes, num total superior a 1600, queriam concluir da melhor forma a sua participação. À medida que os dias foram avançando as forças foram-se esgotando, mas todos sabiam que era chegada a hora das grandes decisões e havia algumas reservas guardadas para o grande dia.

O escalão de Elite Feminina abriu as hostilidades, com Simone Niggli a atacar a prova de Distância Longa de forma tranquila. Afinal, a vantagem de 8:45 sobre a sua mais direta adversária, a sueca Annika Billstam, era uma prerrogativa de peso e à multi-campeão mundial bastaria gerir o tempo, que a vitória só lhe escaparia por um qualquer impensável cataclismo. No final, Simone Niggli viria mesmo a ampliar a sua vantagem, sendo a mais rápida de todas as 77 participantes com o tempo de 1:06:22, arrebatando pela quinta vez (quarta consecutiva) a vitória no Portugal O' Meeting. Nas posições imediatas classificaram-se Annika Billstam e Amélie Chataing, com mais 11:37 e 12:48, respetivamente, que a vencedora.

Findas as emoções da competição, Simone Niggli não escondia o seu contentamento: «Estou muito contente. Foram provas muito técnicas todos os quatro dias de competição. Hoje em particular cometi um erro no penúltimo ponto, foi realmente uma pena, mas foi bom e estou contente com a minha prestação.» Num mesmo mapa e terreno, a prova do terceiro dia, apesar de tudo, foi aquela que mais agradou à atleta: «Sim, hoje foi o dia da consagração mas a prova mais importante era a do terceiro dia, foi aquela na qual mais me foquei e foi realmente aquela que mais apreciei. Hoje foi mais uma prova turística, já que a percurso levava-nos ao cimo destas montanhas e pude apreciar também a paisagem.» Mas a temporada só agora está a começar e Simone Niggli tem um longo caminho a percorrer até chegar a Vuokatti, na Finlândia, onde em Julho irão decorrer os Campeonatos do Mundo de Orientação: «Vou continuar com a minha preparação de Inverno, uma vez que as provas importantes ainda estão a uma distância muito grande, mas poderei dizer que o Nordic Orienteering Tour será o meu próximo grande objetivo.»


«Este é o meu lugar!»

No setor masculino, Thierry Gueorgiou era, tal como Simone Niggli, um vencedor mais que antecipado, tal a vantagem sobre os seus mais diretos opositores. Não enjeitando a hipótese de mais uma grande prestação, o atleta francês voltou a ser o melhor em prova, terminando o seu percurso no tempo de 1:12:15. Philippe Adamski foi o segundo classificado na prova de hoje, com apenas mais 45 segundos que o seu compatriota e colega de equipa, logrando ultrapassar o sueco Albin Ridefelt na classificação final e chegar ao segundo lugar do pódio. Ridefelt foi o terceiro classificado, depois de hoje ter perdido 4:57 para Thierry Gueorgiou.

«O Portugal O' Meeting é sempre uma competição de alto nível e sabemos que nunca saímos daqui desapontados», começaria por referir Thierry Gueorgiou, acrescentando: «Para mim o POM é também o momento de aferir a minha forma nesta altura da temporada, quebrando o Inverno em duas partes. Treinei muito bem antes, espero continuar a treinar bem e este é o momento de fazer um treino especial, no 'modo de competição' e as minhas expectativas não saíram goradas.» Questionado sobre qual o momento que mais o marcou neste POM 2013, o atleta não precisou sequer de pensar: «É sempre o mesmo. É quando chegamos a esta ou a qualquer outra Arena e descobrimos estas montanhas fantásticas, sabemos logo que temos pelo frente um dia fantástico de Orientação. Aconteceu o mesmo em Monsanto, uma aldeia pequenina com o Castelo bem lá no alto, sabemos logo que podemos esperar algo de muito especial. Quando somos verdadeiramente apaixonados pela Orientação e gostamos deste tipo de desafios, aí paramos o carro na Arena, olhamos à volta e dizemos a nós próprios: Este é o meu lugar!»


Gilmar Steffler vence escalão M40

No tocante aos atletas portugueses, o destaque vai para Diogo Miguel (Ori-Estarreja) que voltou a ser o melhor português, desta feita a 5:31 de Thierry Gueorgiou, o que lhe valeu um excelente 18º lugar. Diogo Miguel que acabaria por ser o nosso melhor representante no conjunto das quatro etapas, terminando o Portugal O' Meeting na 19ª posição com o tempo total de 3:59:18. Com 1:24:39, Andreia Silva (COC) foi desta feita a melhor portuguesa na etapa, concluindo na 36ª posição com escassos cinco segundos de vantagem da 37ª classificada, Vera Alvarez (CPOC). Mariana Moreira esteve hoje uns furos abaixo daquilo que seria de esperar, perdendo 4:31 para Andreia Silva o que, apesar de tudo, se revelou suficiente para conservar o título de melhor atleta portuguesa do Portugal O' Meeting 2013 com um tempo global de 4:32:05, a que correspondeu o 33º lugar final.

Mas porque o POM não é só a Elite, vale a pena realçar que foram 38 os escalões de competição, aos quais se juntam quatro escalões abertos, aqueles que tiveram lugar neste POM. Globalmente, dos escalões de formação aos «veteraníssimos» M80 (maiores de 80 anos), podemos ver no topo das classificações apenas atletas estrangeiros, com um destaque para o escalão M40 que teve no brasileiro Gilmar Steffler o grande vencedor. Uma última nota para o escalão M21A, onde se registou o maior número de participantes classificados no final, nada mais nada menos que 87.


Resultados Finais

Homens Super-Elite
1º Thierry Gueorgiou (Kalevan Rasti) 3:25:17
2º Philippe Adamski (Kalevan Rasti) 3:34:48
3º Albin Ridefelt (OK Linné) 3:36:46
4º Tue Lassen (Vaajakosken Terä) 3:45:26
5º Milos Nykodym (Kristiansand OK) 3:47:51
6º Doug Tullie (TUME) 3:48:28
7º Matthias Kyburz (Swiss Team) 3:49:35
8º Alexey Sidorov (AngA) 3:49:43
9º Andreu Blanes (Colivenc) 3:52:15
10º Hector Haines (Individual GBR) 3:52:23

Damas Elite
1º Simone Niggli (Swiss Team) 3:13:40
2º Annika Billstam (OK Linné) 3:25:17
3º Amélie Chataing (Kalevan Rasti) 3:26:28
4º Catherine Taylor (OK Linné) 3:26:50
5º Celine Dodin (HVO) 3:31:28
6º Svetlana Mironova (Hellas) 3:33:55
7º Emily Kemp (Individual CAN) 3:36:02
8º Riina Kuuselo (Individual FIN) 3:37:22
9º Anastasia Tikhonova (MS Parma) 3:38:59
10º Sofia Haajanen (Individual FIN) 3:44:30


Saudações orientistas.

JOAQUIM MARGARIDO




Sem comentários: