sábado, 29 de dezembro de 2012

VALENTIN NOVIKOV: "CORRER, CORRER E CORRER"




Com particular atenção aos próximos dois ou três meses, o Orientovar falou com o Vice-Campeão do Mundo de Distância Média em título, o russo Valentin Novikov. Ele é um dos muitos orientistas estrangeiros que escolheu o nosso país para aqui treinar e competir neste período de pré-temporada. Ouçamos o que tem para nos dizer.


Orientovar - Quando atentamos no seu currículo e percebemos que foi o vencedor da prova de Estafeta do JWOC 1994 (Gdynia, Polónia), isso quer dizer que está no top da Orientação Mundial há muito, muito tempo. Como é que começou a fazer Orientação e o que há neste desporto de tão importante?

Valentin Novikov - Os meus pais eram treinadores de Orientação e continuam ainda a sê-lo com imenso gosto. As minhas memórias estão repletas de viagens constantes para Campos de Treino ou para as competições. É claro que, quando tinha apenas dois ou quatro anos de idade, tudo isto era uma grande aventura para mim. Na altura não corria, mas é desde então que estou em contacto com atletas, mapas e florestas. Ler mapas foi um processo de aprendizagem quase natural, assim como compreender os terrenos.Adoro este estilo de vida porque combina a rotina do treino com “montes” de viagens, o que me permite conhecer o mundo inteiro. E depois há, claro, as provas, onde posso gozar cada percurso, estar com os meus amigos e conhecer novas pessoas.

Orientovar - Nos dois maiores eventos da temporada – Campeonatos da Europa e Campeonatos do Mundo – podemos ver as suas extraordinárias performances nas provas de Distância Média, onde alcançou em ambas a medalha de prata. Onde reside o segredo de tão importantes resultados?

Valentin Novikov - Ainda conservo uma enorme motivação para me manter ao mais alto nível. Tento sempre melhorar graças às tecnologias de treino progressivas, ao encontro daquelas que melhor servem as minhas características. E, ao mesmo tempo, vou ganhando uma maior experiência.


Senti-me como que a voar”

Orientovar - Em três momentos diferentes, liderou o ranking mundial. Qual o momento mais importante da sua carreira, aquele que conserva com maior emoção?

Valentin Novikov - Para mim, esse momento é o da medalha de ouro na Estafeta dos Campeonatos do Mundo WOC 2006 (Aarhus, Dinamarca). Senti-me como que a voar na floresta. Quando acabei a prova tive a certeza de ter vivido uma experiência extraordinária.

Orientovar - Como avalia o atual momento da Orientação?

Valentin Novikov - Posso apenas desejar que mantenham o nível de dificuldade técnica em qualquer uma das distâncias. É isso que faz da Orientação um desporto em que é necessário saber usar a cabeça, um desporto extremamente atrativo e interessante para toda a gente.


Uma grande variedade de desafios”

Orientovar - Está prestes a regressar a Portugal para preparar a sua temporada. Porquê Portugal?

Valentin Novikov - No Inverno procuro Campos de Treino onde não haja neve e onde o clima possa ser o mais agradável possível. Este Inverno decidi-me por Portugal porque aqui podem encontrar-se terrenos interessantes e mapas atualizados e com uma grande variedade de desafios, o que é muito bom ao nível do treino. E depois há um bom número de competições, onde podemos avaliar a nossa velocidade.

Orientovar - Esta não é a primeira vez que vem a Portugal. Pode falar-me dalgumas boas recordações, nomeadamente do Portugal O' Meeting 2010?

Valentin Novikov - Nesse ano estava lesionado e apenas caminhei ou corri muito devagar na floresta, o que não me impediu de perceber as excelentes perspetivas que se abriam em termos de treinos no futuro. Foi possível apreciar que as organizações em Portugal procuram oferecer provas muito competitivas.

Orientovar - E quais são os seus planos, exatamente?

Valentin Novikov - Os meus planos são correr, correr e correr. Irei estar presente no Norte Alentejano O' Meeting, no Portugal O' Meeting e no Meeting de Orientação do Centro. Talvez não corra na máxima força em todos eles.


O caráter único do nosso desporto”

Orientovar - Quais os seus principais objetivos no tocante à póxima temporada?

Valentin Novikov - Procurarei focar-me nos Campeonatos do Mundo, nos Jogos Mundiais, Nos Mundiais Militares e nas grandes Estafetas escandinavas. Nessa altura estarei realmente no máximo da minha forma.

Orientovar - Estamos na viragem para um novo ano. Quer deixar um voto a todos os orientistas?

Valentin Novikov - Espero que todos percebam o caráter único do nosso desporto, quando comparado com tantos outros, e que o saibam valorizar. E um bom ano para todos!


Saudações orientistas.

JOAQUIM MARGARIDO

Sem comentários: