domingo, 14 de outubro de 2012

CAMPEONATO NACIONAL ABSOLUTO DE ORIENTAÇÃO EM BTT 2012: DAVIDE MACHADO E SUSANA PONTES REVALIDAM TÍTULOS




Pelo segundo ano consecutivo, a disputa dos títulos nacionais absolutos de Orientação em BTT deu mais do mesmo. Foi assim este fim de semana, em Idanha-a-Nova, com Davide Machado e Susana Pontes a sucederem a... Davide Machado e Susana Pontes.


Chegaram ao fim os Campeonatos Nacionais Absolutos de Orientação em BTT 2012. Em Idanha-a-Nova, com os apoios da autarquia local e da Federação Portuguesa de Orientação e com a assinatura organizativa da Associação de Deficientes das Forças Armadas, uma centena de atletas bateram-se pelo melhor lugar, primeiro numa prova de Apuramento que prendeu as atenções no dia de sábado e depois, no dia de hoje, com a disputa das grandes Finais.

No setor masculino, foram 48 os atletas que alinharam à partida, para uma final que se adivinhava emotiva. No ano transato, por terras bairradinas, Davide Machado (.COM) e Carlos Simões (COALA) haviam travado ardoroso despique, favorável então ao minhoto por escassos dois segundos. Transportado para este fim de semana, o duelo continuou bem vivo entre ambos os contendores e, no Apuramento, Carlos Simões foi mais forte, batendo o seu adversário por 11 segundos e cometendo a proeza de inflingir a Davide Machado a sua primeira derrota em provas da Taça de Portugal da presente temporada. Hoje, todavia, tudo seria bem diferente.


Davide Machado, com tranquilidade

A entrada no mapa revelou-se desastrosa para Carlos Simões que, com quatro pontos apenas decorridos, perdia já 7:25 para Davide Machado. Junte-se a isto um furo na zona de transição de mapa que lhe custaram mais quatro minutos e eis as aspirações do combativo atleta deitadas por terra, à sombra do 10º lugar final. Davide Machado é que não esteve com meias medidas e, com uma prova praticamente isenta de erros, acabou por cumprir os 25,3 km do seu percurso (17 pontos de controlo, 420 metros de desnível) tranquilamente, em 1:06:13. Luís Barreiro (NADA) a 7:09 do vencedor, foi um brilhante segundo classificado enquanto Daniel Marques (COC), longe ainda da forma que fez dele o atleta de referência a nível nacional até há bem pouco tempo atrás, concluiu no terceiro lugar com a marca de 1:17:30.

Nos primeiros dez lugares da classificação, destaque para a excelente sexta posição de Fernando Henrique (GDU Azoia), um atleta que milita no escalão H35 e para os brilhantes desempenhos dos “veteraníssimos” Inácio Serralheiro (CN Alvito) e Luís Sousa (Clube TAP), figuras de topo dos escalões H45 e H50, respetivamente, e que concluiram nas 8ª e 9ª posições. Entre os atletas mais jovens, Miguel Pires (.COM) merece igualmente uma referência elogiosa, graças ao 7º lugar alcançado na prova de hoje.


Susana Pontes, pois claro (!)

Corrida na distância de 17,2 km (16 pontos de controlo, 300 metros de desnível), a Final feminina viu Susana Pontes (CPOC) tomar conta da prova praticamente no início, beneficiando então do desacerto das suas adversárias na progressão para o segundo ponto. A experiência daquela que é, indiscutivelmente, a melhor orientista em BTT nacional de todos os tempos e medalha de bronze nos recentes Mundiais de Veteranos da Hungria, veio ao de cima ao longo da prova, permitindo-lhe gerir sabiamente o esforço e conservar ciosamente a vantagem amealhada. No final, Susana Pontes registou um tempo de 1:07:48, contra 1:11:18 de Rita Madaleno (ADFA) e 1:19:09 de Tânia Covas Costa (.COM).

No atual contexto económico, provas em regiões mais periféricas e em final de temporada acabam fatalmente por ser sacrificadas em termos de participação e nem o argumento de estarem em jogo os títulos nacionais absolutos foi suficientemente forte para inverter a tendência na prova deste fim de semana. Ainda assim, a organização da Associação de Deficientes das Forças Armadas não “desarmou”, proporcionando aos participantes nesta segunda edição do Campeonato Nacional Absoluto de Orientação em BTT desafios competitivos de enorme qualidade e momentos de salutar convívio “para mais tarde recordar”. Com os rankings praticamente definidos, resta aguardar pela derradeira prova da temporada, em Melides, no dia 3 de Novembro, onde o Clube da Natureza de Alvito levará a efeito o 8º Trofeu de Orientação em BTT de Grândola – TP Nível 2.


Resultados

Final Masculina
1º Davide Machado (.COM) 1:06:13
2º Luis Barreiro (NADA) 1:13:22
3º Daniel Marques (COC) 1:17:30
4º Joel Morgado (COC) 1:17:41
5º João Ferreira (DA Recardães) 1:18:32
6º Fernando Henrique (GDU Azoia) 1:20:53
7º Miguel Pires (.COM) 1:23:10
8º Inácio Serralheiro (CN Alvito) 1:24:46
9º Luís Sousa (Clube TAP) 1:25:18
10º Carlos Simões (COALA) 1:25:28

Final Feminina
1º Susana Pontes (CPOC) 1:07:48
2º Rita Madaleno (ADFA) 1:11:18
3º Tânia Covas Costa (.COM) 1:19:09
4º Joana Frazão (CIMO/Ciclonatur) 1:24:01
5º Rita Gomes (BTT Loulé/BPI) 1:28:07
6º Luísa Mateus (COC) 1:50:00
7º Margarida Correia (BTT Loulé/BPI) 2:29:46

Saiba tudo sobre o Campeonato Nacional Absoluto de Orientação em BTT 2012, em http://cnaobtt.webnode.pt/.

[Foto de Norberto Marques, extraída do seu Álbum no Google +, em https://plus.google.com/photos/107278361466261867980/albums/5799195684038902545?banner=pwa]


Saudações orientistas.

JOAQUIM MARGARIDO

Sem comentários: