segunda-feira, 4 de junho de 2012

NAOM 2012: PEDRO NOGUEIRA E JOANA COSTA, CAMPEÕES NACIONAIS DE DISTÂNCIA MÉDIA



Findas as emoções dos Nacionais de Sprint, o Norte Alentejano O' Meeting encerrou com a disputa dos Campeonatos de Distância Média. Tal como na véspera, também aqui os Nacionais conheceram vencedores inéditos, com Joana Costa e Pedro Nogueira a chamarem a si os respetivos títulos no escalão de Elite.


Anunciado como um terreno de eleição para uma prova de Distância Média, o Vale do Rodão não desmereceu e aqueles que tiveram o privilégio de se orientar no cerne dos seus cerrados soutos e carvalhais certamente não esquecerão tão cedo a marcante experiência. Numa prova que terá pecado apenas por um pedacinho extensa de mais, os Campeonatos Nacionais de Distância Média foram rijamente disputados e a luta, em muitos escalões, manteve-se acesa até ao derradeiro segundo. Numa prova extremamente exigente, tanto física como tecnicamente, foi possível perceber as verdadeiras mais-valias dos nossos melhores atletas, a quem os títulos nacionais assentam que nem uma luva.

Começando pelo sector masculino, se atentarmos bem na diferença que separa os dois primeiros classificados, temos que estes foram os Nacionais mais rijamente disputados de que há memória. Pedro Nogueira e Tiago Romão, ambos da ADFA, travaram acesa luta que viria a manter-se ao longo de toda a prova. No final, a vitória de Pedro Nogueira é um merecido prémio ao labor dum atleta que teima em manter-se na linha da frente da Elite nacional. No setor feminino a história conta-se ao invés já que a vitória de Joana Costa não só não merece contestação como foi, seguramente, uma das mais folgadas em dezoito anos de história dos Campeonatos Nacionais de Distância Média (Distância Curta, até à época de 2003/2004). A jovem atleta do Grupo Desportivo dos Quatro Caminhos alcança assim, ainda em idade junior, o mais saboroso título da sua carreira até ao momento, deixando no ar a certeza de que muitos mais se seguirão.


Um prémio a mim próprio”

Estar bem e ser campeã nacional eram os meus objetivos. O Sprint não correu muito bem, mas na Distância Média tentei não cometer os mesmos erros e estou muito contente por ter conseguido este título.” Foi desta forma que Joana Costa se referiu ao seu triunfo. Considerando ser este “um terreno bastante técnico”, a atleta admitiu que “era crucial entrar bem no mapa, entrar com calma e foi isso que aconteceu. Principalmente nos primeiros pontos fui prudente e, apesar de ter perdido algum tempo na parte final, onde comecei a hesitar bastante, consegui este resultado.” O futuro faz-se de esforço, empenho e... trabalho: “Continuar a trabalhar para melhorar cada vez mais e alcançar os objectivos, já que a Orientação está no bom caminho e eu quero fazer parte desse futuro.”

Visivelmente emocionado por um título que lhe deu “uma grande alegria”, Pedro Nogueira adiantaria: “Acho que este é um prémio a mim próprio por tudo quanto já dei a esta modalidade, pelo que treino, pelo que trabalho pela Orientação.” A chave do êxito não tem explicação, ou talvez até tenha: “Como não há campeões sem estrelinha, se calhar o segredo deste título residiu aí. Hoje tive a estrelinha da sorte, tive a estrelinha do meu grande amigo Joaquim Sousa, que apanhei no 5º ponto e a partir daí tudo foi diferente. Pese embora eu ter seguido sempre na frente, aquela presença ali é capaz de me ter ajudado. E muito!” E a terminar: “Apesar de tudo o que se passa nesta modalidade, toda a gente merece o melhor porque todos nós - eu acredito nisso - trabalhamos no duro. Mesmo sem ver os resultados do meu esforço, trabalhar no duro eu sempre trabalhei. Agora este título dá-me uma motivação extra para continuar a trabalhar.”


Foi difícil montar a prova”

No “lavar dos cestos”, Manuel Delgado, Presidente do Grupo Desportivo dos Quatro Caminhos traça “um balanço bastante positivo” e começa por destacar “o carinho e empenho do Diretor de Prova, Fernando Costa.” Para aquele responsável, “se houve - e houve, com certeza, como em qualquer organização - pormenores que correram menos bem, não mancham a organização.” Referindo-se às mais-valias deste evento, Manuel Delgado faz questão de vincar que “com o NAOM 2012 criaram-se mais três excelentes mapas. É pelo menos esse o feedback que recebemos, já que duma forma global as pessoas gostaram dos terrenos e dos mapas. Em particular, o terreno da prova de Distância Média foi quase unanimemente classificado de muito bom e capaz de proporcionar excelentes treinos para o futuro.”

Mas nem tudo são rosas: “Foi difícil montar a prova, sobretudo pela altura do ano em que decorreu. Muitos atletas do clube - e não só! - estão nesta altura a começar os seus exames e não foi possível contar com eles. A crise em que vivemos também contribuiu para aumentar as dificuldades.” Segue-se Nisa, em 2013, a abrir um ciclo novo no nosso País e que, para Delgado, “tem tudo para vingar”. Assim, “o ideal é conseguirmos dizer aos estrangeiros que vale a pena vir passar um mês aqui. Têm três provas WRE à disposição, têm excelentes Campos de Treino e têm as benesses do nosso clima”, conclui.


Resultados

Homens Elite
1º Pedro Nogueira (ADFA) 43:20
2º Tiago Romão (ADFA) 43:21
3º André Ramos (COC) 44:44
4º Tiago Aires (GafanhOri) 45:04
5º Joaquim Sousa (COC) 47:24
6º Alexandre Alvarez (CPOC) 49:10
7º Paulo Santos (ADFA) 49:25
8º Jorge Fortunato (Ori-Estarreja) 51:13
9º Miguel Silva (CPOC) 51:14
10º Nélson Santos (COC) 51:35

Damas Elite
1º Joana Costa (GD4C) 50:29
2º Catarina Ruivo (COC) 59:12
3º Mariana Moreira (CPOC) 1:00:49
4º Albertina Sá (ADFA) 1:00:50
5º Andreia Silva (COC) 1:03:20
6º Lídia Magalhães( ADFA) 1:07:35
7º Raquel Costa (GafanhOri) 1:09:14
8º Patrícia Casalinho (COC) 1:10:41
9º Rita Madaleno (ADFA) 1:10:52
10º Marta Fonseca (ADFA) 1:15:09

Outros Escalões
H/D10 – João Pedro (ADFA) e Laura Tenreiro (COC)
H/D12 – André Daniel (Ginásio) e Carina Cotovio (COA)
H/D14 – José Fonseca (COC) e Sara Roberto (COC)
H/D16 – Diogo Barradas (CPOC) e Daniela Pires (ADFA)
H/D18 – Filipe Augusto (ADFA) e Carolina Delgado (GD4C)
H/D20 – Luís Silva (ADFA) e Vera Alvarez (CPOC)
H/D21A – Tiago Lopes (CAOS) e Ângela Silvério (CN Alvito)
H/D21B – José João Ferreira (OriMarão) e Rita Pratas (AFAP)
H/D35 – Alberto Branco (CP Armada) e Susana Pontes (CPOC)
H/D40 – Jorge Correia (ADFA) e Ana Casal (Ori-Estarreja)
H/D45 – Armando Sousa (ADFA) e Alice Silva (GDU Azoia)
H/D50 – José Fernandes (.COM) e Palmira João (COC)
H/D55 – Álvaro Coelho (Ginásio) e Maria São João (CLAC)
H/D60 – Manuel Dias (GafanhOri) e Beatriz Leite (Montepio Geral)
H65 – Coelho dos Santos (Ori-Estarreja)
H70 – José Grada (Ori-Estarreja)
Fácil Curto – Joana Viães (Individual)
Difícil Curto – Vítor Dias (GD4C)
Fácil Longo – Ana Andrade (Ori-Estarreja)
Difícil Longo – Luciano M+ Maria M (Individual)

Por Equipas
Iniciados Masculinos - .COM (João Magalhães, Leonardo Ramalho, Carlos Peixoto)
Iniciados Femininos – COC (Sara Roberto, Beatriz Norte, Ana Gouveia)
Juvenis Masculinos – COC (António Ferreira, Gabriel Braz, Pedro Roberto)
Juvenis Femininos – ADFA (Daniela Pires, Catarina Reis, Ana Veloso)
Cadetes Masculinos – CLAC (Daniel Catarino, Telmo Oliveira, Marco Martins)
Cadetes Femininos – ADFA (Leonor Ribeiro, Mariana Simões, Estrela Alberto)
Juniores Masculinos – ADFA (Luís Silva, Fábio Silva, Oleksandr Zaikin)
Seniores Masculinos – ADFA (Tiago Romão, Paulo Santos, Pedro Nogueira)
Seniores Femininos – COC (Catarina Ruivo, Andreia Silva, Patrícia Casalinho)
Veteranos Masculinos I – ADFA (Jorge Correia, Daniel Pires, José Marques)
Veteranos Femininos I – Ori-Estarreja (Ana Casal, Manuela Nogueira, Isabel Gonçalves)
Veteranos Masculinos II – ADFA (Armando Sousa, Eduardo Sebastião, Mário Duarte)
Veteranos Femininos II – COC (Luísa Mateus, Palmira João, Isabel Monteiro)
Veteranos Masculinos III – COALA (Júlio Martins, José Raposo, Armando Santos)

NORTE ALENTEJANO O' MEETING
Classificação Por Clubes
1º ADFA 5455,84 pontos
2º COC 5426,57 pontos
3º CPOC 5162,59 pontos
4º Ori-Estarreja 4660,54
5º GafanhOri 3439,04
6º .COM 3363,67 pontos
7º Ginásio 2495,72 pontos
8º CLAC 2397,57 pontos
9º COAC 1887,23 pontos
10º CAOS 1600,27 pontos




Saudações orientistas.

JOAQUIM MARGARIDO

Sem comentários: