sexta-feira, 18 de maio de 2012

EOC/ETOC 2012: O "BIS" DE OLAV LUNDANES E SIMONE NIGGLI




Olav Lundanes e Simone Niggli continuam a passear a sua classe nestes Europeus, Valentin Novikov e Minna Kauppi são figuras de proa na segunda linha e Tatiana Ryabkina é, cada vez mais, a grande surpresa dos Campeonatos. São estas as conclusões que se retiram ao segundo dia de finais, que tiveram lugar esta manhã em Skattungbyn.


Após ter alcançado ontem o título europeu de Distância Média, o norueguês Olav Lundanes voltou a ser a grande figura da competição no dia de hoje, levando de vencida a prova-rainha dos Campeonatos com o tempo de 01:27:43. Uma duríssima Distância Longa nas florestas de Skattungbyn viu um Lundanes determinado repetir o feito da véspera ao assumir o comando da prova desde o início para não mais o largar. Valentin Novikov (Rússia) voltou a ser um opositor incómodo, vindo a quebrar ligeiramente só na parte final e permitindo ao suíço Matthias Merz chegar ao segundo lugar com o tempo de 01:28:48. Novikov viria a ter de se contentar com a terceira posição, a 01:30 do vencedor.

Nas posições imediatas foi possível ver o norueguês Anders Nordberg em bom plano a alcançar o 4º lugar com 01:30:29, enquanto o suíço Marc Lauenstein viria a ser o 5º classificado com um tempo de 01:30:52. Tal como ontem, o ucraniano Oleksandr Kratov conseguiu ainda posicionar-se nos lugares de honra, classificando-se na 6ª posição, com um registo de 01:32:41. A prova contabilizou um total de 46 atletas no final, destacando-se as ausências do anterior Campeão da Europa e do Campeão do Mundo em título, respetivamente Daniel Hubmann (Suiça) e Thierry Gueorgiou (França).


Simone Niggli, fenomenal!

Simone Niggli esteve simplesmente fantástica. Mercê duma prova irrepreensível , a atleta suíça concluiu o seu percurso com o tempo de 01:01:34, esmagando a concorrência e arrecadando a sua segunda medalha de ouro nestes Campeonatos, a quinta na sua conta pessoal de títulos europeus de Distância Longa e a nona em Campeonatos da Europa.

No segundo lugar, de forma absolutamente surpreendente, classificou-se a russa Tatiana Ryabkina, uma atleta que deu nas vistas enquanto junior (foi campeã do mundo em 1998, 1999 e 2000) e que, já mais recentemente, se sagrara vice-campeã europeia de Distância Longa em Ventspils (2008). Pois bem, quatro anos depois, a russa repete o resultado dos Europeus da Letónia, ainda que a quatro minutos exactos da primeira posição, mostrando, aos trinta anos de idade, estar de novo ao seu melhor nível. Minna Kauppi (Finlândia) acabou por ter de se contentar com o lugar mais baixo do pódio, com o tempo de 01:06:08. Tove Alexandersson e Annika Billstam, ambas da Suécia, e a norueguesa Tone Wygemir classificaram-se por esta ordem n os lugares imediatos. Concluiram a prova as mesmas 51 atletas que alinharam à partida.


Resultados

Masculinos
1º Olav Lundanes (Noruega) 01:27:43
2º Matthias Merz (Suiça) 01:28:48
3º Valentin Novikov (Russia) 01:29:13
4º Anders Nordberg (Noruega) 01:30:09
5º Marc Lauenstein (Suiça) 01:30:52
6º Oleksandr Kratov (Ucrânia) 01:32:41
7º Philippe Adamski (França) 01:32:57
8º Dmitry Tsvetkov (Rússia) 01:32:59
9º Hans Gunnar Omdal (Noruega) 01:33:21
10º Frédéric Tranchand (França) 01:33:42

Femininos
1º Simone Niggli (Suiça) 01:01:34
2º Tatiana Ryabkina (Rússia) 01:05:34
3º Minna Kauppi (Finlândia) 01:06:08
4º Tove Alexandersson (Suécia) 01:07:21
5º Annika Billstam (Suécia) 01:09:10
6º Tone Wygemir (Noruega) 01:10:18
7º Mari Fasting (Noruega) 01:10:41
8º Lina Strand (Suécia) 01:10:49
9º Mrja Rantanen (Finlândia) 01:11:47
10º Inga Dambe (Letónia) 01:12:13


Antes das grandes finais A que marcaram o dia de hoje, tiveram lugar as finais B, nas quais participaram 38 atletas no sector masculino e apenas 11 no feminino. Paulo Franco foi o único atleta português presente nesta final, tendo concluído a sua prova no 31º lugar, com o tempo de 01:48:02. Amanhã, a caravana dos Europeus volta a mudar de poiso, radicando-se em Lugnet para a última final individual. As finais B começarão às 15h30 (hora de Portugal) e nelas estarão envolvidos todos os nossos atletas. Um pouco antes, a partir das 12h30, decorrerá a final A masculina, enquanto a final A feminina terá lugar a partir das 14h00. Os dados estão lançados e aceitam-se apostas quanto aos novos Campeões Europeus de Sprint. Com Lundanes ausente e Hubmann algo distante da forma ideal, está tudo em aberto no sector masculino. Quanto ao sector feminino, será que Simone Niggli irá confirmar a velha máxima de que “não há duas sem três”?

Tudo para acompanhar em http://www.eoc2012.se/

[Fotos de Anders Öberg]


Saudações orientistas.

JOAQUIM MARGARIDO

Sem comentários: