sábado, 10 de março de 2012

V ORI-BTT "ROTA DA BAIRRADA": DAVIDE MACHADO E HANA BAJTOSOVÁ VENCEM NO PRIMEIRO DIA




Numa tarde de sol e muito calor, a Orientação em BTT regressou à Bairrada e aos seus vinhedos, para uma exigente prova de Distância Longa. Em causa o V Ori-BTT “Rota da Bairrada” / VIII Campeonato Ibérico de Orientação em BTT, cuja ronda inaugural ficou pontuada pelas retumbantes vitórias de Davide Machado e Hana Bajtosová.


Teve lugar esta tarde em Barcouço, no concelho da Mealhada, a primeira etapa do 5º Ori-BTT “Rota da Bairrada” / VIII Campeonato Ibérico de Orientação em BTT. O evento tem a assinatura organizativa do Desportivo Atlético de Recardães e conta com os apoios institucionais dos municípios da Mealhada e de Águeda, das Juntas de Freguesia de Barcouço, Cordinhã e Recardães, Instituto Português do Desporto e Juventude e Federação Portuguesa de Orientação.

Nesta primeira etapa estiveram presentes 20 atletas nos escalões abertos e 220 nos escalões de competição. Destes, destaque para a participação de quatro dezenas de atletas estrangeiros, entre os quais o francês Clément Souvray, nº 16 do ranking mundial, e a eslovaca Hana Bajtosová, nº 9 do Mundo e Campeão Mundial de Sprint em 2008 e 2009.


Favoritismo confirmado

E foi precisamente Hana Bajtosová quem, numa prova de Distância Longa muito exigente tanto do ponto de vista físico como técnico, não quis deixar os seus créditos por mãos alheias, vencendo com um registo de 1:21:17 para 21,6 km de prova (14 pontos de controlo). A distantes 5:47, na segunda posição, classificou-se a francesa Madeleine Tirbois-Kammerer, enquanto o terceiro posto foi ocupado pela eslovaca Stanislava Fajtova, com mais 6:02 que a vencedora. Rita Madaleno, na 6ª posição com 1:36:00, foi a melhor portuguesa.

Para Bajtosová, “a prova correu bem, apesar de ter sentido alguma dificuldade na leitura do mapa. É a primeira prova da temporada, entrei muito bem no mapa mas depois as coisas complicaram-se um bocadinho e cometi alguns erros”. Falando da parte técnica da prova, a atleta considerou o mapa “excelente” e os percursos “bem traçados, com muitas opções e bem complicado, mesmo como eu gosto”. Quanto a amanhã e à decisiva prova deste V Ori-BTT “Rota da Bairrada”, Bajtosová mostrou-se parca em palavras: “Amanhã veremos”, disse.


Foi uma boa prova”

Na prova masculina, Davide Machado brilhou a grande altura, batendo a concorrência por larga margem e, percalços à parte, quase garantindo aqui a conquista do Troféu. O atleta do .COM cumpriu o seu percurso de 31,7 km (17 pontos de controlo) em 1:30:47, relegando para a segunda posição um dos favoritos à vitória, o francês Matthieu Barthélémy, com mais 7:04. Na terceira posição, com um tempo de 1:41:20, classificou-se o francês Yoann Garde.

No final, Davide Machado mostrava-se contente com a sua prova: “Foi uma boa prova. Já conhecia uma parte do mapa, embora esteja um bocadinho diferente, mas é um mapa muito bom, muito técnico e também muito físico, com alguma areia, o que dificulta a progressão.” Confessando não ter sido esta uma prova limpa - “no geral, terei perdido cerca de três minutos” -, Davide Machado mostra-se moralizado e confessa-se particularmente satisfeito por esta prova ir ao encontro daquilo que é necessário, “o contacto com bons atletas, como é o caso dos atletas franceses que estão presentes, o que dá para comparar em certa medida o nível”. A terminar, o atleta espera para amanhã uma prova de Distância Média “idêntica àquilo que tivemos hoje, talvez com um pouco mais de declive e espero que corra igualmente bem”.


Portugal lidera duelo ibérico

Primeira das quatro etapas que pontuam para o VIII Campeonato Ibérico de Orientação em BTT, a prova desta tarde vai dando uma enorme preponderância ao seleccionado português, com um total de 129 pontos alcançados contra os 75 de “nuestros hermanos”.

Enquanto se aguarda pelo dia de amanhã, Carlos Ferreira, o Diretor da Prova, faz um balanço preliminar desta 5ª edição do Ori-BTT “Rota da Bairrada”: “As opiniões vão no sentido de que a prova foi do agrado geral. Num mapa muito técnico, os percursos traçados com muitas opções foram um quebra-cabeças para muita gente e todos se mostraram satisfeitos.” O arranque foi muito positivo e tudo correu bem, pelo que as perspectivas são as melhores para a decisiva prova: “Amanhã os atletas irão confrontar-se com uma prova muito mais rápida e onde se exige muito maior rapidez na decisão. Os percursos não são tão exigentes fisicamente, mas as tomadas de opção irão exigir uma permanente concentração e ditar os vencedores”. A terminar, um voto: “Que estejam no seu melhor, se concentrem e que ganhe aquele que, efectivamente, fizer prevalecer uma melhor qualidade técnica e física.”

Acompanhe tudo em www.dar.pt/dar/

Os mapas de todos os escalões podem ser consultados em http://www.dropbox.com/gallery/11250366/1/ciobtt2012_d1?h=aa9181. Pode igualmente ver algumas fotos deste primeiro dia AQUI


Saudações orientistas.

JOAQUIM MARGARIDO

Sem comentários: