domingo, 4 de março de 2012

DESPORTO ADAPTADO "EM ALTA" NO COVÊLO: DIANA COELHO VENCE ETAPA DE ORIENTAÇÃO DE PRECISÃO




Numa jornada protagonizada pelo regresso da tão almejada chuva, o Desporto Adaptado reinou. A Atividade de Orientação Adaptada chamou cinquenta participantes ao Parque do Covêlo, ao passo que Diana Coelho foi a grande vencedora da etapa de Orientação de Precisão.


Quase dois anos volvidos, o Parque do Covêlo voltou a abrir os seus espaços verdes e os seus encantadores recantos à Orientação. Quase integralmente dedicada ao Desporto Adaptado, a jornada congregou a 4ª etapa do II Circuito de Orientação de Precisão “Todos Diferentes, Todos Iguais”, um percurso de Atividade de Orientação Adaptada e ainda um percurso formal de Orientação Pedestre. A organização voltou a ter a assinatura do Grupo Desportivo dos Quatro Caminhos, com os apoios da Câmara Municipal do Porto, Porto Lazer, ANDDI-Portugal, Federação Portuguesa de Orientação e Orievents.

Traçado num circuito de 900 metros, com tanto de belo como de sinuoso, o percurso de Orientação de Precisão foi constituído por dez pontos de observação, três dos quais cronometrados. A chuva resolveu fazer a sua aparição praticamente no início da etapa, que teve lugar pelas 10h00, engrossando ao longo da manhã e dificultando em certa medida o normal desenrolar da prova. A verdade é que ninguém se mostrou particularmente incomodado com a intempérie, por um lado pela benção que representa esta dádiva dos céus em ano de seca extrema; e, por outro, porque o entusiasmo e a determinação com que os super-atletas abraçam os desafios feitos de mapas e bússolas, ponto após ponto, tudo supera.


António Amorim “em crescendo”

Na sequência do triunfo na primeira etapa da Taça de Portugal de Orientação de Precisão 2012, em Viseu, Diana Coelho não quis deixar os seus créditos por mãos alheias e foi de novo a mais precisa, fazendo o pleno de respostas acertadas dentro dos tempos limites. Formada no Núcleo de Medicina Física e de Reabilitação do Hospital da Prelada, a atleta que representa a Escola Secundária de Baião manifestou-se no final satisfeita com a sua prestação, considerando não ter tido esta prova grande dificuldade, mas quase baqueando no ponto cinco, um ponto cronometrado que lhe deu um pouco mais que fazer.

Mercê de algum preciosismo no ponto 8 e duma desatenção no derradeiro ponto, Filipe Leite (Hospital Prelada) não foi além dos oito pontos, conquistando ainda assim a segunda posição. Também com oito pontos quedaram-se um António Amorim “em crescendo” – não fora a “baralhação” provocada pelos pontos de observação conjuntos 2 e 3 e o atleta do Hospital da Prelada poderia ter ido ainda mais longe – e Adriano Rodrigues (Hospital da Prelada), escalonados por esta ordem por questões de tempo nos pontos cronometrados. Destaque ainda para a estreia da jovem Joana Mendes (Hospital da Prelada), que juntamente com José António (SCM Baião) e com Miguel + Fábio (ES Paranhos), participaram na Classe Aberta. Presença muito saudada entre os participantes, embora apenas a título de “observador”, a do popular Pedro Massa, o grande vencedor do I Circuito de Orientação de Precisão “Todos Diferentes, Todos Iguais” levado a cabo em 2010/2011. Em termos de ranking, não houve mexidas nas três primeiras posições, liderando Diana Coelho com 35 pontos, seguida de Ana Paula Marques e de Filipe Leite, com 27 e 25 pontos, respectivamente. Adriano Rodrigues é agora o quarto classificado.


Cinquenta super-atletas na Atividade de Orientação Adaptada

Também a Atividade de Orientação Adaptada conheceu uma enorme animação e entusiasmo por parte dos cinquenta participantes. APPACDM – Porto (Centros das Antas e Cerco) e APPACDM – Gaia, enquadrados pelo Clube Gaia e com um total de 36 participantes, Hospital Magalhães de Lemos e Santa Casa da Misericórdia de Baião, foram as instituições presentes, com o desafio a constar igualmente de dez pontos para um percurso de 900 metros. “Sorrisos, corações e mãos abertas”, foram as “estrelas” duma festa onde todos se sentiram em “casa”.

A Orientação de Precisão vai regressar no próximo dia 14 de Abril com a realização duma etapa pontuável para o II Circuito “Todos Diferentes, Todos Iguais” e ainda para a Taça de Portugal 2012. Será no Palácio de Cristal, no âmbito do Justlog Park Race, e trará com ela – como não poderia deixar de ser! - mais uma Atividade de Orientação Adaptada. Uma jornada de enorme festa e alegria, num espaço emblemático da cidade Invicta e particularmente desafiante para aqueles que, a correr, a caminhar ou em cadeira de rodas, teimam em fazer da Orientação um Desporto para a Inclusão, um Desporto para Todos.







Saudações orientistas.

JOAQUIM MARGARIDO

Sem comentários: