terça-feira, 30 de agosto de 2011

OS VERDES ANOS: BERNARDO PEREIRA




Olá

Sou o Bernardo Pereira, tenho 14 anos e vivo em Palmela, precisamente em frente à Escola Secundária onde vou frequentar, a partir de Setembro, o 9º Ano.

Conheci a Orientação através da televisão, nomeadamente do programa Desporto 2 da RTP. Mas foi quando entrei para o 7º ano, nas aulas de Educação Física com o professor José Paulo Pinho, que percebi o que era a Orientação e qual é o objectivo deste grande desporto.

Praticava natação desportiva há alguns anos mas, quando comecei a participar em provas de Orientação (Novembro de 2009), no Desporto Escolar, passei a gostar cada vez mais desta modalidade e comecei por treinar sozinho. Após a vitória colectiva da minha equipa no Nacional de Desporto Escolar surgiu o convite do ADFA. Aceitei e deixei definitivamente a natação no Verão de 2010.

O ADFA deu-me a motivação necessária para treinar mais e melhor e para me dedicar a este desporto magnífico. Agora tenho objectivos que passam não só por competições nacionais mas, sobretudo, por competições internacionais, nomeadamente o EYOC. É com esta vontade de querer cumprir estes objectivos que treino seis dias por semana, juntamente com os meus colegas de clube, de Palmela e Pinhal Novo, sob a orientação do professor Daniel Pó.

Desde que estou no ADFA tenho ido a provas que motivam qualquer pessoa a praticar esta modalidade, como o Mundial de Desporto Escolar, o WOC Tour, etc. E tenho a certeza que qualquer pessoa que visse ou acompanhasse qualquer uma destas provas, teria uma vontade imensa de algum dia conseguir ser como um Thierry Gueorgiou ou um Daniel Hubmann.

Não tenho muitos planos para o futuro a nível profissional, apenas quero aproveitar a vida ao máximo e viver um dia de cada vez.

Por fim, quero agradecer a todos os que me têm apoiado, nomeadamente aos professores José Paulo Pinho e Daniel Pó e ao meu clube – ADFA.

Bernardo Pereira
Associação dos Deficientes das Forças Armadas
Fed 5279

3 comentários:

Anónimo disse...

Grande, Bernardo, que assim continues com essa determinação que te conhecemos tão bem, e já agora parabéns por tudo o que tens vindo a conquistar!

Um abraço
dos (Rocha) Pereira de Quinta do Anjo

Anónimo disse...

Boa, Bernardo! :)
Gostei particularmente do "viver ao máximo um dia de cada vez". É a fórmula da Felicidade e já a descobriste aos 14 anos...
Beijo muito grande (babado, como sempre) da Tia Rita

Rui Torres disse...

Muito contente fico por saber das certezas que já tens, que te movem e que te fazem crescer "Orientado".

Rui Torres