quarta-feira, 15 de junho de 2011

DUAS OU TRÊS COISAS QUE EU SEI DELA...




1. O Ultimate Orienteering, um dos mais conceituados portais do mundo da Orientação, acaba de publicar o número 2 da série “The Essentials of...”, de novo com a minha assinatura. Depois de Thierry Gueorgiou, é agora a vez de Tove Alexandersson, jovem atleta sueca e um verdadeiro fenómeno da Orientação Pedestre e em Esqui, se mostrar e nos mostrar uma pequena parte dos segredos do sucesso. Equipamento usual, bandas adesivas, bússola, porta-sinalética, relógio e mesmo alimentos (“banana após os treinos, é saborosa, fácil de comer e dá-me energia”), tudo isto para ler em http://www.ultimate-orienteering.com/?p=4332.

2. Teve lugar no passado domingo a 5ª etapa do IV Troféu Ori-Alentejo. Integrada nos festejos da Vila de Arraiolos, “O Tapete Está na Rua”, a prova contou com organização do Clube de Orientação da Gafanhoeira – Arraiolos e disputou-se nas imediações da antiga Estação de Caminho de Ferro de Vale de Paio, em Monte da Ponte – Aldeia da Serra. Marcaram presença no evento perto de centena e meia de atletas distribuídos por seis escalões de competição e um de iniciação. Manuela Mariano (GafanhOri) e Gonçalo Santos (ADFA) triunfaram no escalão Fácil, enquanto Ana Anjos (EB 2,3 Cunha Rivara) e Sérgio Santos (ADFA) levaram a melhor em Médio e os espanhóis Maria Dolores Lahoz Ruano (ADOL) e Jose Manuel Martínez Ruiz (ADOL) foram os vencedores no escalão Difícil. Toda a informação em http://www.gafanhori.pt/tapetenarua11/.

3. O CLAC – Clube de Lazer, Aventura e Competição do Entroncamento, levou a efeito junto ao Parque do Bonito, na passada sexta-feira, uma prova local de Orientação, simultaneamente de treino, convívio e que serviu de ensejo à entrega dos prémios aos vencedores da III Taça CLAC. Divididos em seis escalões, os 40 atletas presentes puderam desfrutar dum mapa com duas vertentes – floresta e parque -, fazendo do Dia de Portugal mais uma grande festa da Orientação. Nuno Cruz (Individual) e Sílvia Lopes (CLAC) foram os vencedores no escalão Difícil, cabendo a vitória nos restantes escalões aos representantes da Escola Secundária do Entroncamento, Daniel Catarino (Médio Masculino), Inês Gonçalves (Médio Feminino), Pedro Gonçalves (Fácil Masculino) e Beatriz Esteves (Fácil Feminino). No tocante à III Taça CLAC, que nesta edição se estendeu por quatro etapas e contou com uma participação global superior a duas centenas de atletas, os vencedores foram Humberto Esteves (COA) e Cláudia Lopes (ES Entroncamento) em Difícil, Daniel Catarino (ES Entroncamento) e Carolina Delgado (GD4C) em Médio e Pedro Gonçalves (ES Entroncamento) e Paula Ferreira (COA) em Fácil. Resultados completos e demais informação em http://www.clac.pt/orientacao/.

4. O Clube de Montanhismo da Guarda pretende realizar, de 24 a 26 de Junho e nos dias 2 e 3 de Julho próximos, um Curso de Manobras de Cordas. Capacitar os formandos para o enquadramento com segurança das actividades de manobras de cordas e técnicas de resgate em terrenos verticais e sinuosos desde que acompanhados por monitores experientes, é este o grande objectivo do Curso que será ministrado por João Luís Mendes Sousa Adaixo, monitor da Escola Portuguesa de Montanhismo e Escalada e formador da Escola Nacional dos Bombeiros. As inscrições decorrem até ao dia 22 de Junho e têm um limite máximo de 15 formandos (mínimo de 6 formandos). Para mais informações consulte a página do Clube de Montanhismo da Guarda em www.montanhismo-guarda.pt, pelo endereço de e-mail clube@montanhismo-guarda.pt ou através do 271 222 840.

5. Herdeira do movimento cívico "Mãos à Obra!" e do Projecto "Limpar Portugal" e em colaboração com a Direcção do Parque Nacional da Peneda-Gerês e a SEPNA (GNR de Braga), a AMO Portugal - Associação Mãos à Obra Portugal decidiu juntar sinergias e levar avante o Projecto de Sensibilização e Prevenção de Incêndios Florestais no Parque Nacional da Peneda-Gerês. A acção decorrerá entre 15 de Junho e 31 de Setembro e os responsáveis pela inicitiva esperam mobilizar voluntários para percorrer trilhos já definidos e assim defender a fauna e flora únicas do PNPG. Serão particularmente bem-vindos os voluntários com vocação para o Pedestrianismo, a BTT e a Orientação. Todos os voluntários têm garantia de estadia gratuita no Parque de Campismo do Vidoeiro. Prevenir depende de si! Portugal sem fogos depende de todos. Para mais informação consulte a página da AMO Portugal em www.amoportugal.org ou no Facebook em http://www.facebook.com/AMOPortugal.org. Poderá ainda, à distância dum telefonema, contactar directamente Carlos Evaristo através dos números 919 000 693 ou 963 966 171.

6. A celebrar 50 anos de existência, a IOF - Federação Internacional de Orientação acaba de lançar o desafio aos orientistas do mundo inteiro para que doem bússolas. “Pretendemos recolher (pelo menos) 500 bússolas durante este Verão”, pode ler-se no site da IOF em http://orienteering.org/compasses-to-developing-countries/. As bússolas destinam-se a serem posteriormente distribuídas pelos países onde a modalidade se encontra a dar os primeiros passos. As bússolas serão recolhidas em bancas próprias presentes no Campeonato do Mundo de Orientação e no O'Festival ERDF Savoie Grand Révard, em França, devendo ser acompanhadas duma pequena nota do “doador” ou, pelo menos, da sua nacionalidade. Entretanto, a nossa bem querida Alexandra Coelho fez já saber na sua página no Facebook - http://www.facebook.com/profile.php?id=1819590888 – que está disponível para fazer a coleta em Portugal. Pegando nas suas palavras, “quem tiver bússolas antigas ou outros materiais de Orientação que queiram ceder à IOF para ajudar a desenvolver a modalidade noutros países, poderão entregar-me. Com a vossa colaboração iremos ajudar a Orientação a crescer. Obrigada!” O Orientovar não quer perder o ensejo de realçar aqui a disponibilidade da Alexandra Coelho e o seu empenho nesta nobre acção, atribuindo-lhe, de forma reconhecida, o Louvor da Semana!


Saudações orientistas.

JOAQUIM MARGARIDO

Sem comentários: