quinta-feira, 5 de maio de 2011

RANKING REGIONAL NORTE DE DESPORTO ESCOLAR 2010/2011: TÍTULOS PARA TODOS OS GOSTOS




O 'Ranking' Regional Norte de Orientação de Desporto Escolar chegou ao fim. Na última etapa, disputada no Parque da Cidade do Porto, assistiu-se a vitórias para todos os gostos.


Teve lugar no passado sábado a quarta e última etapa do 'Ranking' Regional Norte, disputada no âmbito do 7º Troféu de Orientação do Porto e que contou com a assinatura organizativa da Equipa de Apoio às Escolas de Braga e o apoio técnico-logístico do Grupo Desportivo dos Quatro Caminhos. Foram em número de duzentos, os alunos que marcaram presença no Parque da Cidade do Porto, cabendo aqui assinalar uma nota profundamente negativa para o facto de 137 dos alunos inicialmente previstos não terem comparecido, o que representa uma quebra de um terço no número de inscritos. Há aqui, naturalmente, algo que merece ser repensado, sobretudo tendo em conta que estamos a atravessar um período em que ninguém se deve dar ao luxo de esbanjar, a título de nada, meios e recursos.

Na vertente competitiva, refira-se que se tratou duma prova de Distância Média, com os atletas a distribuirem-se por quatro escalões – Infantis, Iniciados, Juvenis e Juniores – em ambos os sectores. Começando pelos Infantis Masculinos, Leonardo Ramalho (ES Carlos Amarante) foi o grande vencedor, à frente de João Vale (ERD Júlio-Saúl Dias), o vencedor das duas primeiras etapas do 'ranking'. No sector feminino, Raquel Martins (ES Tomaz Pelayo) foi mais forte que as restantes concorrentes, vencendo com um minuto exacto de vantagem sobre Maria Portela (ES Carlos Amarante), a segunda classificada. Passando ao escalão de Iniciados, a vitória no sector Masculino coube a Renato Morais (ES António Granjo), também ele com uma vantagem precisa de um minuto sobre o segundo classificado, João Gomes (AE Maximinos). No tocante ao sector Feminino, a vitória coube a Mariana Maurício (AE Maximinos), seguida de Catarina Neves (ES Gondomar) e Helena Baptista (ERD Júlio-Saúl Dias), a 45 e 48 segundos de diferença, respectivamente.

No escalão de Juvenis, vitórias de Sérgio Duarte (AE Maximinos) no sector masculino, enquanto no sector feminino Catarina Dias (ES Ermesinde) bateu a concorrência por margem confortável. Finalmente, no que aos Juniores diz respeito, Flávio Martins (ES Tomaz Pelayo) impôs-se categoricamente aos seus adversários, deixando o segundo classificado, Pedro Leite (ES Carlos Amarante), a mais de três minutos e meio de diferença. Soraia Lopes (ERD Júlio-Saúl Dias) venceu no sector feminino, deixando atrás de si Maria Bernardino (ES Carlos Amarante), a vencedora das três pimeiras etapas, a uma distância de 1.49.


As contas do 'ranking'

Com a disputa da última etapa, é já possível perceber quem foram os vencedores do 'ranking' regional norte 2010/2011. Gostaríamos de ressalvar, contudo, que estes são dados oficiosos, obtidos a partir das contas feitas sobre elementos recolhidos no excelente blog da ERD Júlio-Saúl Dias - http://orijsd.webnode.com/ - e onde o seu grande dinamizador, o Professor José Mário Baptista, afirma categoricamente: “NÃO OFICIAL / NADA OFICIAL”. Confiamos, contudo, na sabedoria dum homem que não é professor de Educação Física, como muitos poderiam pensar, mas sim de... Matemática!

Assim, começando pelo escalão de Infantis, depois duma disputa tremenda com Ernesto Martins (EBS Terras de Bouro) e com Leonardo Ramalho, João Vale (ERD Júlio-Saúl Dias) soube garantir a vitória no 'ranking', graças ao segundo lugar nesta derradeira prova, que se vem somar às vitórias nas duas etapas iniciais. No sector feminino, Raquel Martins e Maria Portela (ES Carlos Amarante) mostraram o porquê de serem as duas primeiras classificadas do 'ranking' à entrada para a decisiva etapa. Todavia, o triunfo de Raquel Martins na derradeira prova, levou-a a bater Maria Portela mesmo na "recta final" e a sagrar-se a grande vencedora.


Escolas bracarenses em alta

Passando ao escalão de Iniciados, refira-se que a ausência de João Novo (AE Maximinos), implicado nos trabalhos das Selecções Jovens de Orientação Pedestre, em nada afectou as contas finais num 'ranking' do qual era já o virtual vencedor, mercê do domínio avassalador nas três etapas iniciais e que se saldara por três vitórias. Quanto ao sector feminino, Helena Miranda (EBI Apúlia) não conseguiu tirar partido da ausência de Joana Fernandes (ES Carlos Amarante) e o seu quarto lugar na prova fez com que tudo ficasse na mesma, ou seja, ambas as atletas terminaram empatadas com 107 pontos. Confessamos a nossa ignorância quanto aos factores de desempate para apuramento do vencedor, se é que existem. Em todo o caso, se for pelo número vitórias em etapas, aí Helena Miranda leva vantagem, com duas vitórias contra uma de Joana Fernandes.

No tocante aos Juvenis Masculinos, Sérgio Duarte (AE Maximinos) fez o que dele se esperava, juntando a vitória nesta etapa às vitórias nas duas etapas anteriores e garantindo o primeiro lugar do 'ranking'. Em Juvenis Femininos, Catarina Dias demonstrou inequivocamente ser a melhor atleta em prova, juntando à vitória na etapa derradeira, também a vitória no 'ranking'. Finalmente, os Juniores, onde a ausência de elementos nos impede de apontar um vencedor para o 'ranking' masculino. No sector feminino, Maria Bernardino (ES Carlos Amarante) foi surpreendida nesta etapa por Soraia Lopes, mas o triunfo no 'ranking' estava já garantido graças às vitórias nas três etapas anteriores.


Comentário

Para finalizar, retiramos do espaço de Comentário da passada terça-feira uma reflexão de Nuno Pires e que, pelo seu conteúdo e oportunidade, chamamos para a primeira página e que aqui se reproduz na íntegra.

“Antes de mais, gostaria de dar os parabéns ao GD4C pela organização desta prova. O local e o percurso de Distância Média em espaço de parque foi um desafio diferente. Mas o meu comentário tem a ver com algo que é habitual em provas de Desporto Escolar e que cada vez mais se acentua. Já ando na Orientação há algum tempo e sempre me lembro dos ambientes mais festivos que rodeiam as provas com esta componente Desporto Escolar. Há mais pessoas, os Secretariados são mais concorridos, as partidas são mais confusas e existe a irreverência própria das idades dos participantes. No entanto, a modalidade é a Orientação, que tem regras e deve ter condutas próprias dentro da prova. Ao contrário do futebol e de outras modalidades colectivas, há um árbitro para fazer cumprir estas regras e condutas. De Sábado, posso enumerar: malta a gritar de um lado para o outro de um lago, impropérios com frequência acima da média, individuais ou grupos com elementos separados a chamarem-se, o já habitual 'O ponto xpto está aqui!' e inclusivamente malta jovem a usar o telemóvel como instrumento de comunicação e navegação. Sendo que todos estes miúdos serão os adultos de amanhã e que uma pequena parte serão os atletas de Orientação de amanhã, não será despropositado que se tente que haja alguma 'educação cívica de Orientação' antes das participações. E estas medidas meramente informativas, de regras da modalidade e de conduta em prova, não poderão ser dadas por mais ninguém senão pelos acompanhantes e responsáveis pelos alunos à priori. Nem que seja na viagem entre a localidade de origem e o local da prova. Numa altura em que o Desporto Escolar é posto em causa por questões financeiras, a imagem que os miúdos transmitem num espaço público como o Parque da Cidade do Porto a fazer Orientação não é digna o suficiente para colher uma opinião pública positiva, quer para o Desporto Escola quer para a modalidade. Cabe a quem de direito e de responsabilidade alertar os miúdos para estes comportamentos sociais e desportivos aquém do desejável. Que não me levem a mal os docentes envolvidos nestas actividades, porque não lhes cabe a eles dar educação aos alunos, mas no âmbito da participação na modalidade eles têm que dar o contributo possível neste campo, que felizmente não implica custos e é facilmente verificado a curto ou médio prazo.”

Resultados e demais informação em http://gd4caminhos.com/eventos/top2011/.


Saudações orientistas.

JOAQUIM MARGARIDO

Sem comentários: