sexta-feira, 27 de maio de 2011

MISSÃO ITÁLIA ISF 2011: AS DECLARAÇÕES DE JAN COOLEN, SECRETÁRIO-GERAL DA ISF




Das páginas do Campeonato do Mundo de Orientação de Desporto Escolar respigámos as declarações de Jan Coolen, o Secretário-Geral da ISF - International School Sports Federation.


“Já presenciei imensos eventos da ISF, mas devo dizer que esta é uma manifestação deveras especial. Aqui em Primiero gira tudo a um nível que será difícil de superar, talvez mesmo de igualar.”

“Só ouvi manifestações de apreço para com os organizadores, pelo alojamento e pela alimentação, pelo funcionamento dos transportes, pela organização das provas, pelos eventos paralelos.”

“O conceito do 'students' staff', na realidade, não é novo para a ISF, mas a forma como foi posto em prática aqui em Itália deve servir de modelo no futuro. A fasquia aqui apresentada aos jovens foi colocada a um nível muito elevado. Afinal, é este o lema subjacente à essência da própria ISF: Educar através do desporto.”

“A ISF pretende atrair mais nações no futuro. Actualmente somos fortes na Europa, mas isso não chega para termos uma Federação global. Chamar até nós nações de outros continentes significa, desde logo, provas noutros continentes, o que pode acarretar problemas de ordem económica às formações europeias... Em suma, devemos encontrar o justo equilíbrio entre os interesses dos nossos estados membros europeus e os não-europeus.”

“A ISF vai em frente, devagarinho mas vai. Poderíamos, talvez, fazer as coisas mais depressa se tivéssemos a devida base económica, mas ninguém trabalha exclusivamente para a ISF. Devemos melhorar no sector da nossa Comunicação – se o fizermos, projectaremos automaticamente a nossa visibilidade no mundo do Desporto e da Escola.”



Saudações orientistas.

JOAQUIM MARGARIDO

Sem comentários: