segunda-feira, 4 de abril de 2011

2ª ESTAFETA DA PRIMAVERA E V TROFÉU ORIALENTEJO 2011: IMPRESSÕES




S. Pedro da Gafanhoeira recebeu, no dia de ontem, dois eventos de Orientação Pedestre que já granjearam, por direito próprio, um lugar de destaque no panorama nacional. A Estafeta da Primavera e o Troféu OriAlentejo tiveram, junto à “vila branca de tapetes colorida”, a expressão máxima da sua qualidade e excelência, como o comprovam os testemunhos que o Orientovar tem o prazer de apresentar de seguida.


Desde sempre que o Gafanhori nos tem habituado a belíssimas provas com bons mapas e óptimos percursos e desta vez não foi excepção. É sobretudo uma pena que o tempo não tenha ajudado à festa pois a Arena era bastante bonita e as partidas e chegadas estavam colocadas de forma a dar bastante emoção à prova. As vitórias disputadas até ao último minuto da estafeta Jovem e Mista foram muito bem relatadas pelo excelente 'speaker' que também já é um hábito nas provas do clube. Quanto à prova da tarde, já com o tempo mais favorável, foi um excelente treino com percursos igualmente bons aos da manhã e que exigiam muita concentração. Foi sem dúvida um belo dia de Orientação!

Filipa Neves (COAC)


Organizar dois eventos no mesmo dia, sendo um deles a Estafeta da Primavera com cerca de cem equipas, exige um logística extraordinária. Mais uma vez o GafanhOri esteve muito bem e o resultado foi uma grande festa de Orientação! Obrigado pelo excelente fim-de-semana. Penso que a edição deste ano foi mais rica tecnicamente do que a edição do ano passado. Gostei mais dos mapas, mais desafiantes, e a escala 1:7 500 estava ajustada aos percursos rápidos e técnicos. Na prova da tarde entrei mal no mapa, mas consegui encontrar o ritmo certo e a partir daí fiz poucos erros. Fico satisfeito por me sentir a recuperar bem do tempo de paragem. Congratulo as excelentes prestações dos jovens no escalão principal. Parabéns e continuação de bom treino! Faço votos de participar na Estafeta da Primavera 2012, e que desta feita sejamos cento e muitas equipas! É uma competição a não perder.
Paulo Franco (COC)


Ao contrário do pedido expresso no 'site' do GafanhOri para que o sol brilhasse, infelizmente não foi isso que aconteceu e mais uma vez tivemos um dia de Orientação à chuva na Gafanhoeira. Não brilhou o sol mas brilhou mais uma vez a Organização do GafanhOri, com um investimento forte a nível organizativo poucas semanas depois de um evento desgastante como o Meeting Internacional de Arraiolos e que proporcionou a todos os presentes um dia muito bem passado. Acabaram por ser três percursos de Orientação para todos, dois na Estafeta da Manhã com muita emoção e percursos desafiantes pelo meio e à tarde uma prova de Distância Média para fechar o dia em beleza recuperando para muitos dos que estiveram presentes uma pequena parte do mapa do Meeting Internacional de Arraiolos (pela dimensão do mapa original, calculo que seja possível fazer uma dúzia de provas como a de ontem sempre em terrenos diferentes dentro daquele mapa, tal a dimensão do mesmo...).
Luís Santos (CPOC)


Como atleta do Gafanhori, tentamos sempre ser os melhores possíveis para que tudo corra bem ao nível de todas as funções que cada um desempenha. Esta foi mais uma prova que organizámos e que correu bem, Arena fantástica, paisagem fabulosa, mapas muito agradáveis e percursos muito técnicos. Falando da minha participação nesta prova, foi muito bom. Da parte da manhã fiz equipa com a minha colega Lena Coradinho e fizemos uma grande dupla, sempre a espalhar chocolate ahahah! Apesar de não estar muito bem fisicamente, e mais ou menos tecnicamente, ainda tenho que melhorar a minha forma. Na parte da tarde fiz Médio, ainda não estou preparada para fazer Difícil, até porque não ando bem fisicamente. Comecei a prova e estava a sentir-me bem, mas quando cheguei à parte do primeiro ponto desorientei-me e a partir dai já não consegui acertar um ponto. Tenho que treinar mais a minha concentração, porque não consigo fazer uma prova toda concentrada. Por último foi uma prova fantástica e muito agradável e que venham mais provas.
Ana Salgado (GafanhOri)


Depois de no ano passado ter ficado tão agradado com a Estafeta da Primavera, este ano não poderia deixar de participar nesta segunda edição! Como é óbvio, as minhas expectativas não ficaram de todo defraudadas, pois numa Arena espectacular, num terreno muito bom e percursos aliciantes, todos os critérios estavam cumpridos. No entanto existia ainda mais um factor: O modelo em que decorrem estas Estafetas é do melhor, uma vez que permite a constante passagem de atletas na Arena, tornando tudo muito mais espectacular e ainda a particularidade de cada atleta fazer dois percursos. Em relação à prova, tive o enorme de prazer de correr com a Rita Rodrigues na Estafeta mista que levámos de vencida após uma tremenda luta até ao ultimo percurso com a equipa da Mariana Moreira e do Alexandre Alvarez. Não começámos muito bem, tendo a Rita perdido algum tempo no seu primeiro percurso e eu também acabei por cometer uns erros na parte final, não conseguindo recuperar todo o tempo perdido! No entanto no terceiro percurso a Rita fez uma prova bastante boa e deixou-me partir com apenas três minutos de desvantagem para a Mariana Moreira, uma vez que eles correram com o elemento masculino e o elemento feminino em ordem diferente da nossa. Neste ultimo percurso a Mariana cometeu um grande erro logo no início da prova e depois de a ultrapassar foi só gerir a vantagem até final. Foi sem dúvida uma manhã muito bem passada e se puder, para o próximo ano lá estarei para a 3ª edição da prova. Na prova da tarde ainda parti com esperança de fazer um bom percurso como treino, pois já sei que segunda-feira vou ao médico e ele vai-me mandar parar por causa da lesão que me tem perseguido desde o POM. Contudo, tal não foi possível e a dor foi demasiado forte para suportar face ao significado da prova em questão!
Tiago Romão (ADFA)


Na dia de ontem decorreram, nos exigentes terrenos que circundam a Gafanhoeira, as Estafeta da Primavera e a 3ª etapa do Troféu OriAlentejo. Foi sem dúvida um dia bem passado, apesar de algum frio e chuva da parte da manhã, como o clube Gafanhori nos tem habituado. Dois treinos, duas provas para levar de forma mais descontraída e sempre treinar a um ritmo mais elevado. Além disso, é sempre excelente, para mim que ainda sou novo, poder comparar-me e disputar, mesmo que ainda sem grandes possibilidades, com os outros atletas mais velhos: juniores, seniores e veteranos. Na Estafeta fiz equipa com o meu amigo Luís Silva e estivemos sempre nos primeiros lugares, apesar de tanto um como outro termos, como a todos aconteceu, perdido algum tempo no decorrer do percurso. Pena eu, e por isso peço desculpa ao companheiro de equipa, não ter confirmado um código já no decorrer do 3º percurso, em dois pontos muito perto e, com isso, ter desclassificado a equipa. Mas foi muito positivo ver tantas equipas de Estafetas e ver alguma competitividade entre elas. As Estafetas são sempre uma grande festa e todos deveríamos promovê-las e participar. Quantas mais, melhor! Na etapa da tarde, o percurso foi muito bom, exigente técnica e fisicamente, apelando à concentração constante e à grande precisão na zona do ponto. Estava algo desgastado e cometi alguns erros, ficando assim bastante longe do grande tempo dos dois primeiros classificados. São mais dias destes que se querem!
Miguel Ferreira (ADFA)


Não me tendo sido possível participar no evento da manhã, mas já com os feedbacks dos atletas que nela entraram, não esperava mais do que um excelente traçado e um bom terreno. Isto foi sem dúvida confirmado logo no inicio do percurso onde entrei um pouco forte de mais tendo feito logo vários erros nos primeiros cinco pontos. Após esta fase consegui pôr em prática uma melhor Orientação, no entanto voltei a perder bastante tempo no oitavo ponto. Após estes erros pensei já estar fora da corrida, mas após passagem nos espectadores percebi que estava mesmo colado à frente. Aumentei um pouco o passo, mas um erro no ponto 20 de cerca de 20 ou 30 segundos retirou-me quaisquer chances de vencer a prova. Penso que fiz cerca de dois ou três minutos em erros, fruto de falta de concentração e de ir pouco agarrado ao mapa. Quero deixar aqui também os meus parabéns ao Luís Silva que fez uma excelente prova e com muita cabeça. Em suma, uma excelente prova que, com pena minha, não pude ajudar a levantar devido a compromissos universitários. A quem tão bem o fez, deixo já agora as minhas desculpas por não ter ajudado e, claro, os meus parabéns.
Tiago Gingão Leal (GafanhOri)


Já desde os meus primórdios da Orientação que se vai realizando este troféu OriAlentejo, que de ano para ano tem vindo a surpreender cada vez mais com inovações relativamente às provas que deixaram de ser simplesmente percursos formais, sendo cada vez mais adoptado outro tipo de técnicas. Nesta altura, após as grandes competições de inverno, é preciso retomar o treino e voltar à preparação e nada melhor do que este tipo de provas que não são importantes, mas que mesmo assim têm um elevado nível competitivo e percursos desafiantes. Quanto à organização, apesar de ser uma prova local, já pude observar provas nacionais em que os organizadores dedicaram muito menos do que se dedica nestas "simples" provas. Percursos de elevado nível que apelaram às capacidades físicas e técnicas dos atletas, um 'speaker' que soube cumprir o seu papel e colocar ao rubro a Arena com os seus comentários efusivos, enfim tudo perfeito. É importante realçar a importância que estas provas têm e espero sinceramente que todos os anos este Troféu venha a crescer cada vez mais, quem sabe se não poderá abrir portas a maiores projectos... Quanto à minha prestação pessoal, não tenho muito mais a dizer do que o facto de ter ficado satisfeito, não tendo cometido demasiados erros e conseguido uma navegação simples e geralmente precisa. Fisicamente, consequência do treino que tenho efectuado regularmente, também melhorei imenso e só espero continuar a melhorar ainda mais para estar ao meu melhor nível nas grandes competições que se avizinham. Só me resta por fim desejar mais uma vez os parabéns à organização pelo seu empenho e dedicação, que resultou na fantástica prova.
Luís Silva (ADFA)


[Foto gentilmente cedida por Professor José Mateus, retirada da sua Galeria em https://picasaweb.google.com/jadsrm/EstafetaDaPrimaveraIIIEtapaDoOriAlentejo#]

Saudações orientistas.

JOAQUIM MARGARIDO

Sem comentários: