terça-feira, 23 de novembro de 2010

RAID TRANSPENINSULAR: PRAÇAS DA ARMADA ARRASAM CONCORRÊNCIA




Ao vencer no passado sábado o Raid Transpeninsular, a equipa do Clube Praças da Armada confirma liderança no panorama nacional das corridas de aventura.


Com tempo ameno, 56 equipas de aventureiros partiram pelas 9:00 horas do parque Catarina Eufémia no Barreiro para um desafio de 150 km, rumo ao Parque Natural da Arrábida.

A primeira etapa urbana, constituída por sucessivos obstáculos e exigências técnicas em actividades verticais e Canoagem, manteve acesa a disputa pelos lugares cimeiros, com praticamente todas as equipas de Elite e o primeiro terço de equipas de Aventura empatadas.

Nas duas etapas seguintes - Orientação Pedestre na Mata Nacional da Machada e 40 km de BTT em estradas de terra -, as equipas mais fortes não descolaram. A ligeira vantagem do Clube de Praças da Armada sobre as equipas de Elite do Exército, Ferrovias e Millennium BCP, mantinha tudo em aberto na frente da competição. As equipas da Globaz e Desnível, a primeira com problemas mecânicos numa bicicleta, seguiam igualmente em bom ritmo.

Se na etapa anterior a Serra da Arrábida fez o pano de fundo, a 4ª etapa foi a “rainha” da prova, toda ela disputada entre os montes de S. Filipe e Comenda a sul, as serras do Louro e S. Francisco a norte e um CP no vértice geodésico de S. Luís a valer por dois. Com a noite e a temperatura a baixar muito, a “armada” passeou a sua supremacia, ao controlar 17 dos 19 CP’s em disputa, partindo para o Score100 da última etapa com 3 CP’s de vantagem, relegando a disputa pelos restantes lugares do pódio para o Exército 1 e Ferrovias Elite Team, ambos com 14 CP’s nesta etapa da serra.

A 5ª e última etapa da prova, constituiu o derradeiro sprint. Disputada à noite no centro histórico de Palmela, em sistema de score 100, impôs ao atletas o stress das contas ao tempo e pontos, já que para totalizar os 3 CP’s em disputa seria necessário decidir sobre a melhor estratégia para realizar 100 pontos em 18 controlos no terreno.

Aqui a experiência e a gestão do esforço ditou a sua lei implacável. Os Praças da Armada concretizaram de forma contundente os 3 CP’s em 27 minutos e a chegar a 30 segundos do fecho, a Desnível em 26 minutos e o Exército 2 em 34 minutos. A equipa do Exército 1 perde, por desclassificação, os 3 CP’s ao exceder em cerca de 20 segundos o tempo limite para chegar, logrando-se aí a possibilidade de entrar nos três primeiros lugares.

No final a classificação em Elite ordenou-se com o Clube de Praças da Armada em 1º com 47 CP’s, seguida da equipa Ferrovias Elite Team em 2º com 42 CP’s e o Exército 2 em 3º em igualdade de CP’s mas com mais seis minutos. Duas equipas a destacar: a equipa do Exército 1 em primeiro de Elite Mista (com dois elementos femininos), relegada para 5º da geral, fruto da desclassificação na última etapa, em luta pela classificação até ao fim da prova; e a equipa da ADA Desnível em 2º na Elite Mista com um corajoso 4º na geral, mesmo depois de se terem “esquecido” de um CP de azimute na 3ª etapa.

No escalão secundário – Aventura - destaca-se a excelente prestação da equipa da Escola Naval ao vencer com 44 CP’s, seguida dos experientes da IPPON Team/Triple x com 42 CP’s e da ATV Aventura com 41 CP’s.

O escalão de Promoção, que tal como o nome refere, tem como objectivo proporcionar o primeiro contacto com as corridas de aventura, foi “poupado” das 2ª e 3ª etapas. A equipa Serviços Sociais do Montepio levou a melhor sobre as restantes, com 21 CP’s em 33 possíveis e 34 minutos de vantagem sobre a segunda classificada ATV-Aldeias de Xisto.

Finalmente uma palavra para o Barreiro Urban Challenge com dois escalões: Pedestre e BTT e 20 equipas participantes, onde todos tiveram uma manhã de desporto aventura e descoberta do património barreirense. Venceu o BUC-Pedestre a equipa “Os Desorientados” e o BUC-BTT a equipa Fly.com.

Agradecimento especial para todos os patrocinadores deste evento, sem os quais seria impossível a sua concretização. Um apreço especial à Câmara Municipal do Barreiro que não poupou esforços, contribuindo decisivamente para o sucesso do 2º Raid Transpeninsular e 3º Barreiro Urban Challenge.

Para o ano o CAB e o GDU Azóia dão novamente as mãos para organizar o IV Campeonato Nacional de Corridas de Aventura em Junho de 2011 no Faial, Açores. http://www.raidilhaazul.com/

António Neves


Mais informações em http://www.raidtranspeninsular.pt.vu/

[Foto gentilmente cedida por Paulo Fernandes]

Saudações orientistas.

JOAQUIM MARGARIDO
.

Sem comentários: