terça-feira, 30 de novembro de 2010

"THE ORIENTEERING ACHIEVEMENT OF 2010": ESTÁ ABERTA A VOTAÇÃO




À semelhança dos anteriores, 2010 foi um ano recheado de grandes feitos em matéria de Orientação. Agora que a entrada num novo ano se aproxima a toda a velocidade, está na altura de escolher o maior entre os maiores. No ano passado, a vitória sorriu aos suiços Daniel Hubmann e Simone Niggli (na foto). Quem serão este ano os grandes vencedores?


Promovido conjuntamente pelo World of O e Ultimate Orienteering – duas das maiores fontes noticiosas da Orientação mundial – está aí a edição de 2010 do “The Orienteering Achievement”. Cinco grandes “experts” nomearam nove atletas masculinos e oito femininos, cabendo agora aos seguidores de ambas as páginas votarem o melhor em ambos os sectores.

Tal como aconteceu em 2009, os organizadores da votação fazem notar que está em causa a expressão dum resultado ou resultados no seu conjunto e não propriamente aquele que foi, para cada um dos votantes, o melhor orientista do ano. Quer isto dizer que não serão necessariamente as medalhas de ouro que corresponderão ao grande feito do ano.


E os nomeados são…

“The Orienteering Achievement of 2010” – Men

Daniel Hubmann (Suiça)
Fabian Hertner (Suiça)
Frederic Tranchand (França)
Carl Waaler Kaas (Noruega)
Olav Lundanes (Noruega)
Valentin Novikov (Rússia)
Matthias Müller (Suiça)
Andrey Khramov (Rússia)
Anders Nordberg (Noruega)

“The Orienteering Achievement of 2010” – Women

Simone Niggli (Suiça)
Marianne Andersen (Noruega)
Ida Bobach (Dinamarca)
Helena Jansson (Suécia)
Minna Kauppi (Finlândia)
Anni-Maija Fincke (Finlândia)
Emma Claesson (Suécia)
Vroni König-Salmi (Suiça)


Vote através do Orientovar

Agora que os nomeados acabam de ser apresentados, a votação está aberta até ao próximo dia 6 de Dezembro. Os vencedores serão revelados três dias após o fecho das votações. De referir que há prémios à espera dos “votantes sortudos”, desde material Trimtex, o principal “sponsor” da iniciativa, à oferta duma inscrição no Portugal O’ Meeting 2011.

Seguindo o apelo das entidades organizadoras, o Orientovar convida-o a aceder à página da votação a partir daqui. Para tal, basta clicar na imagem abaixo. Se o fizer – e disser aos seus amigos para o fazerem também – talvez possamos todos ter uma surpresa muito interessante no final.



Para mais notícias consulte
http://news.worldofo.com/2010/11/26/the-orienteering-achievement-of-2010/
http://news.worldofo.com/2010/11/29/win-starts-in-popular-events-and-trimtex-prizes/
http://www.ultimate-orienteering.com/?p=3844

[Fotos: Ultimate Orienteering e World of O]

Saudações orientistas.

JOAQUIM MARGARIDO
.

2 comentários:

José disse...

Sinceramente, o que mais me surpreendeu foi a «lata» dos cinco grandes experts não terem nomeado Thierry Gueorgiou para a lista dos elegíveis.
Eu já votei, contrariado, mas...

Rafael da Silva Miguel disse...

É bastante fácil de perceber.
O Thierry este ano não conseguiu nenhum resultado de TOP (refiro-me a um TOP3) no WOC...

Ele é, para mim, o melhor! Admiro-o muito, mas de facto está época foi para esquecer...

Espero que para o ano ele consiga fazer bem melhor! O pleno chegava ;D

Na mina opinião o "feito" masculino deste ano foi o Olav Lundanes, pois é muito jovem, e chegar onde chegou com vinte e poucos anos, e visto que a Orientação é um desporto onde a experiência é muito importante, foi um feito incrível!
Creio que no futuro ele vai estar sempre no TOPO.

Quanto às mulheres, mais uma vez, a atleta Simone Niggli foi incrível...

Cumps
Rafael Miguel