domingo, 12 de setembro de 2010

TROFÉU DE ORIENTAÇÃO DE MANTEIGAS: VITÓRIAS DE MIGUEL SILVA E RAQUEL COSTA

.


Após um longo hiato de dois meses e meio, assistimos este fim-de-semana ao regresso das provas pontuáveis para a Taça FPO Continente de Orientação Pedestre 2009/2010. Foi em Manteigas, no Coração da Serra da Estrela, numa jornada dupla inesquecível a muitos títulos.


Manteigas abriu-se à Orientação. Finalmente (!), apetece dizer, uma vez que as condições naturais para a prática desta modalidade são ali, no coração da Serra da Estrela, absolutamente ímpares. Aos excelentes terrenos junta-se uma paisagem de cortar a respiração, num ambiente onde beleza e pureza se misturam e confundem. Acresce um conjunto de infra-estruturas e equipamentos que funcionam como bases logísticas de enorme valor e potencial, percebe-se uma grande consciência ambiental e a importância votada às actividades ligadas à natureza e nem mesmo S. Pedro ficou indiferente, brindando os participantes com um tempo magnífico de sol e céu azul, num Verão a dar as despedidas em grande forma.

Saúda-se o “casamento feliz”, este do Grupo Desportivo dos Quatro Caminhos com a Câmara Municipal de Manteigas, entidades responsáveis pela organização do evento, e pela “audácia” de trazerem, pela vez primeira, a Orientação a estas paragens. O saldo traduz-se num fim-de-semana de grande qualidade em termos competitivos, na (re)descoberta duma natureza de encantos mil e - não menos importante - na implantação dum equipamento que permitirá, no futuro, promover e dinamizar a modalidade em toda esta vasta região.

Miguel Silva e Raquel Costa tomam a dianteira

Com início na tarde de sábado, o Troféu de Orientação de Manteigas abriu o programa competitivo com uma prova de Distância Longa nas Penhas Douradas, a mais de 1500 metros de altitude. Num mapa exigente tanto do ponto de vista físico como técnico, foram em número de 270 os participantes que aceitaram o desafio, deixando-se seduzir pela enorme diversidade de elementos e pelas transições constantes entre vários tipos de terreno. Floresta nórdica ou áreas abertas, relevo suave ou declinações abruptas, imponentes afloramentos rochosos ou vastas clareiras, de tudo um pouco se fez uma prova que mereceu rasgados elogios da generalidade dos participantes.

No escalão Seniores M A, Tiago Aires (GafanhOri) foi o mais rápido mas o seu tempo acabaria por não contar face a um arreliador 'mp'. Assim, acabaria por ser Miguel Silva (CPOC) o atleta a tomar a dianteira do Troféu, após ardoroso despique com o sempiterno Joaquim Sousa (COC). No sector feminino assistiu-se a um interessante duelo “a três mãos”, com Raquel Costa (GafanhOri) a superiorizar-se a Catarina Ruivo (COC) e a Susana Pontes (CPOC) por escassa margem.

Um 'sprint' muito especial

A caravana da Orientação desceu à vila de Manteigas para a prova derradeira, um Sprint urbano que surpreendeu tudo e todos pela sua qualidade e “carácter”. Apesar das diferenças inerentes às distâncias e às escalas do mapa, a verdade é que este mapa não desmereceu em nada do da véspera, revelando-se igualmente exigente tanto física como tecnicamente. Com as suas casas quase encavalitadas umas sobre as outras, os percursos no casco nobre da vila constituiram um verdadeiro desafio para todos os participantes, levando-os através dum turtuoso emaranhado de ruas e vielas, becos e recantos, num quebra-cabeças com tanto de inesperado como de desafiante.

Tiago Aires voltou a ser o mais rápido – desta vez a valer! - mas foi Miguel Silva a arrebatar o Troféu graças ao segundo lugar alcançado. Joaquim Sousa e o seu companheiro de equipa, Gildo Silva, conservaram os lugares da véspera e garantiram presença nos lugares imediatos do pódio. No sector feminino, Catarina Ruivo foi a vencedora da prova de Sprint, embora por margem insuficiente para arrebatar a Raquel Costa a vitória no Troféu. Susana Pontes juntou o 3º lugar na prova ao lugar correspondente na classificação final do Troféu.

Resultados
Seniores M A
1º Miguel Silva (CPOC) 1970.3;
2º Joaquim Sousa (COC) 1917.6
3º Gildo Silva (COC) 1745.1
4º Tiago Gingão Leal (GafanhOri) 1727.9
5º Rafael Miguel (Ori-Estarreja) 1654.3
6º Nélson Graça (CPOC) 1573.1
7º David Sayanda (GafanhOri) 1562.2
8º Daniel Ferreira (ADC) 1520.8
9º André Cardeira (COC) 1505.4
10º Eduardo Gonçalves (CPOC) 1418.2

Seniores F A
1º Raquel Costa (GafanhOri) 1987.6
2º Catarina Ruivo (COC) 1973.9
3º Susana Pontes (CPOC) 1894.7
4º Tânia Covas Costa (.COM) 1735.5
5º Inês Pinto (GafanhOri) 1682.2
6º Lena Coradinho (GafanhOri) 1639.6
7º Joana Moutela (Ori-Estarreja) 1175.8
8º Carla Saraiva (Ori-Estarreja) 735.1
9º Patrícia Casalinho (COC) 0.0

Vencedores restantes escalões
Infantis M/F – António Horta (GafanhOri) e Vanessa Sayanda (GafanhOri)
Iniciados M/F – João Pedro (GafanhOri) e Joana Fernandes (.COM)
Juvenis M/F – Rui Oliveira (Ori-Estarreja) e Ana Anjos (GafanhOri)
Juniores M/F – Pedro Silva (GafanhOri) e Mariana Moreira (CPOC)
Seniores M/F B – André Eusébio (CPOC) e Fátima Saraiva (DA Rercardães)
Veteranos M/F I – Alexandre Reis (ADFA) e Helena Sousa (OriMarão)
Veteranos M/F II – José Fernandes (.COM) e Teresa Páscoa (Ori-Estarreja)
Veteranos M/F III – Acácio Porta-Nova (Individual) e Hermínia Tavares (Ori-Estarreja)
Veteranos M IV – Armadino Cramez (Ori-Estarreja)
Veteranos M/F B – Carlos Lobo (Clube EDP) e Paula Ferreira (COA)
OPT1 – João Marques (CPOC)
OPT2 – Inês Catalão (GafanhOri)
OPT3 – Daniel B + Rogério B (CCD CM Manteigas)
OPT4 – Kiti Suomalainen (Individual)

Por Clubes
1º GafanhOri 2147,8
2º CPOC 2029,9
3º Ori-Estarreja 1828,6
4º COC 1094,2
5º Ginásio 1042,0
6º CAOS 823,9
7º .COM 718,6
8º OriMarão 680,6
9º CIMO 603,8

Resultados completos em http://trofeuorimanteigasgd4c.weebly.com/resultados.html.

Saudações orientistas.

JOAQUIM MARGARIDO

[O Orientovar deslocou-se a convite da Organização, ficando alojado na Casa Lagar da Alagoa, em Vale do Sameiro, Manteigas]
.

Sem comentários: