segunda-feira, 10 de maio de 2010

TROFÉU CASINO GINÁSIO: JOÃO AMORIM E MARIA SÁ VENCEM NA FIGUEIRA

.

Três meses volvidos sobre o Portugal O’ Meeting 2010, a Orientação regressou à Figueira da Foz com o Troféu Casino Figueira. A organização esteve a cargo da Secção de Orientação do Ginásio Clube Figueirense e teve em João Amorim e Maria Sá os grandes vencedores.

O fim-de-semana foi de Orientação na Figueira da Foz. Pontuável para a Taça FPO Continente 2009/2010 e organizado pela Secção de Orientação do Ginásio Clube Figueirense, o Troféu Casino Figueira abriu o programa "Primavera-Verão" do novel clube figueirense e contou com uma participação a rondar as duas centenas de atletas. Refira-se que destes, apenas 117 tomaram parte nos escalões de competição, um número anormalmente baixo – é mesmo o pior registo nas dez provas que levamos de “regional” na presente temporada – que penaliza sobretudo uma organização interessada, empenhada e que tudo fez para proporcionar grandes momentos de Orientação e convívio.

O Troféu Casino Figueira constou de duas etapas de Distância Média no sábado, na zona florestal de Quiaios, encerrando no dia seguinte com uma interessante e movimentada prova de Sprint urbano, das Abadias até ao Bairro Novo, com chegada frente ao Casino, em cujo hall de entrada se realizou a distribuição de prémios. João Amorim (Ori-Estarreja) foi o grande vencedor do principal escalão masculino, beneficiando do facto de ter sido o único participante na última das três provas que compuseram o Troféu. Desta forma, os pontos angariados permitiram-lhe compensar as más prestações da véspera, conferindo-lhe uma vitória que, acima de tudo, constitui um prémio à sua dedicação e entrega à modalidade. Solitária participante no escalão Sénior Feminino, Maria Sá (GD4C) foi a natural vencedora.

Outros vencedores

Infantis M/F – Pedro Roberto (COC) e Joana Marques (Ori-Estarreja)
Iniciados M/F – André Esteves (COA) e Maria Firmino (CPOC)
Juvenis M/F – Rui Oliveira (Ori-Estarreja) e Patrícia Arromba (COAC)
Juniores M – Alfredo Gualdino (COAC)
Seniores M/F B – Hugo Borda d’Água (COAC) e Heloísa Relva (Individual)
Veteranos M/F I – João Carrilho (CAOS) e Erminia Farenfield (CAOS)
Veteranos M/F II – Albano João (COC) e Fernanda Ferreira (DA Recardães)
Veteranos M/F III – Manuel Dias (Individual) e Hermínia Tavares (Ori-Estarreja)
Veteranos M/F B – José Miguel Sá (Montepio Geral) e Paula Ferreira (COA)
OPT 1 – João Jacinto (Clube EDP)
OPT 2 – José Loureiro (ES Carlos Amarante)
OPT 3 – Maria do Carmo (Ori-Estarreja)
OPT 4 – Tiago Branco (ADAD)

Com cinco triunfos individuais, o Clube Ori-Estarreja alcançou de forma concludente a vitória colectiva, perfazendo um total de 2411,6 pontos. Atrás classificaram-se, por esta ordem, COAC (1436,8 pontos), COC (1427,5 pontos), CPOC (1378,2 pontos) e COA (848,1 pontos).

Resultados completos e outras informações na página oficial do evento em
http://ginasiori.com/index.php?view=category&id=37%3Aevento-8-e-9-maio-2010&option=com_content&Itemid=29

[foto de Armando Santos, extraída do seu álbum em
http://picasaweb.google.pt/armandilha7/TrofeuCasinoDaFigueiraEntregaDePremios#]

Saudações orientistas.

JOAQUIM MARGARIDO
.

2 comentários:

José disse...

O GCF brindou-nos com uma excelente prova, aliás vem-nos habituando a excelentes organizações, não esqueçamos o último POM partilhado com o COC.
É um prazer orientar com aquele mapa naquele terreno em Quiaios... e no domingo, aquele modelo de sprint foi muito divertido,apesar de me ter corrido mal ( eu gosto é de orientar na floresta).
Foi pena que prova tenha sido pouco participada, o Ginásio merecia mais.
Parabéns à organização

antunes disse...

Parabéns ao Ginásio.Gostei muito.
Ao contrário de algumas opiniões que respeito, acho que o tipo de terreno deste evento é particularmente essencial para os nossos atletas de topo treinarem a técnica de corrida que como se sabe é um dos principais factores que faz a diferênça, principalmente entre atletas de valor técnico similar.
Dada a imensa sugidade do terreno é necessário correr de forma bastante diferente de outros terrenos(limpos) que geralmente são mais apetecíveis ,mas que não trazem nada de interessante relativamente ao assunto que referi.(técnica de corrida).

Rui Antunes-COC