quinta-feira, 2 de julho de 2009

JWOC 2009: METADE DA COMITIVA JÁ SE ENCONTRA EM ITÁLIA

.
Campeonato do Mundo de Juniores de Orientação Pedestre, JWOC 2009. A partir deste momento é com enorme orgulho que o Orientovar lança o acompanhamento desta importante competição internacional, e onde Portugal estará representado ao mais alto nível pela fina-flor da nossa Orientação.

Chegaram de madrugada a Primiero, no Trentino (norte de Itália), a primeira metade dos atletas portugueses que participarão entre os dias 6 e 12 de Julho no Campeonato do Mundo de Juniores de Orientação Pedestre JWOC 2009. Sob as indicações do Seleccionador Nacional, Bruno Nazário, Tiago Romão, Diogo Miguel, Jorge Fortunato e Manuel Horta, já esta manhã os nossos jovens treinaram. Nazário prescindiu do treino agendado pela organização do JWOC, optando por uma zona entre as aldeias de Siror e Torandico para um percurso de Sprint, a qual foi, nas suas palavras, “muito relevante para a prova que vamos ter, supostamente com a mesma configuração que a final do Sprint, que será realizada entre Imer e Mezzano.”

Para Bruno Nazário, “o objectivo do treino foi encontrar a velocidade de competição neste tipo de mapas de Sprint. O treino foi dividido em duas partes, evitando a parte central do mapa, com pouco interesse.” No final o balanço foi bastante positivo, com Nazário a afirmar que “os atletas conseguiram fazer aquilo que treinamos ao longo do ano, ou seja, simplificar as opções, escolhendo as opções que lhes permitem navegar de forma segura e rápida. Alguns aspectos ainda estão por limar, mas estou certo que após os próximos dois dias de treino a adaptação será maior.”

“Um mapa diferente de todos os que já tinha corrido”


De seguida publicamos as impressões de Manuel Horta. “Estou pela primeira vez em Itália, posso confessar que até agora estou bem satisfeito mas o mais fascinante são as paisagens dos Alpes. Dormimos numa vila localizada num vale onde as montanhas ao lado são tão altas que por volta das seis da tarde deixamos de ver o Sol.

O primeiro treino foi um Sprint urbano no mapa de Siror, um mapa diferente de todos os que já tinha corrido. Aqui mesmo no centro das vilas todas as casas são separadas, ou seja, quando passamos por 10 casas ao longo de uma rua, temos ruas para o lado direito e outras tantas para o esquerdo. Isto obriga a ter uma navegação não tanto só de opções mas também do género de Ori-Show. Temos que estar constantemente a ler o mapa, tanto que torna a antecipação muito difícil e em alguns casos um risco.

O segundo treino foi num mapa de floresta em Passo Cereda onde começámos por fazer uns pontos todos juntos a andar e correr devagar para perceber o mapa. Depois fizemos uns pontos a pares onde escolhíamos opções diferentes e víamos qual era a melhor, sabendo quem chegava primeiro. Por fim fizemos um ‘loop’ pequeno sozinhos onde não tive muito boa prestação, talvez pela ansiedade de ter que conseguir navegar como habitualmente faço em Portugal. Felizmente ainda temos mais uns dias para nos adaptarmos ao terreno, portanto espero que amanhã já seja melhor.”
.




[fotos de Bruno Nazário]

Saudações orientistas.

JOAQUIM MARGARIDO

.

Sem comentários: