segunda-feira, 6 de abril de 2009

MORA RECEBE ESTÁGIO DO GRUPO DE SELECÇÃO DE ORIENTAÇÃO PEDESTRE


Do Director Técnico Nacional acabamos de receber notícias frescas acerca da forma como decorre o estágio do Grupo de Selecção de Orientação Pedestre.

Está a decorrer desde o passado dia 4 e prolonga-se até amanhã, com base em Mora, o estágio do Grupo de Selecção de Orientação Pedestre. Este estágio insere-se no Plano de Estágios e Provas de Selecção do Projecto de Desenvolvimento Técnico da FPO e tem como objectivo permitir a preparação e evolução técnica dos atletas e promover a criação de um espírito de grupo e partilha de conhecimentos.

Este estágio tem o apoio do CPOC – Clube Português de Orientação e Corrida e da Câmara Municipal de Mora. Foram convocados para o estágio todos os atletas que fazem parte do Grupo de Selecção, tendo-se permitido também a participação a atletas que mostraram intenção de integrar os trabalhos e que foram considerados pela Direcção Técnica como tendo potencial para no futuro integrar este Grupo.

Sendo a coordenação do estágio da responsabilidade do Director Técnico Nacional, a sua planificação técnica e enquadramento é da responsabilidade do Treinador para as Selecções Pedestres, Bruno Nazário, e de Alexander Shirinian, técnico russo que no passado teve um papel importante no desenvolvimento da modalidade em Portugal.

Tendo a FPO como objectivo a organização do máximo possível de estágios para o Grupo de Selecção e estando obviamente limitada pela disponibilidade financeira, a estratégia para o planeamento passou por organizar treinos técnicos de qualidade com o menor custo possível, estando os atletas a dormir em Solo Duro na Casa do Povo de Mora e com refeições na cantina da Escola Secundária de Mora e alimentação complementar preparada por voluntários.

No Sábado começou-se com um treino de Multi-técnicas no Cabeção onde foram treinadas no mesmo percurso diversas técnicas e que serviu como que de “aquecimento” para o estágio. Ainda nessa tarde os atletas fizeram um Sprint urbano em Mora com uma primeira parte de memorização e uma segunda parte em que treinaram a antecipação de opções.

No Domingo a comitiva deslocou-se para o mapa Cabeça Velha, perto de Pavia, onde os atletas realizaram um treino de Downhill-O com fadiga, que consistiu em realizar uma primeira rampa longa até ao triângulo fazendo depois um percurso formal maioritariamente a descer. À tarde o grupo seguiu para Évoramonte, onde teve lugar um treino formal com o objectivo de treinar as opções de pernadas longas com muito desnível. Foi o treino mais duro até ao momento e onde vários atletas não conseguiram terminar.

Hoje de manhã foi já realizado um treino de estafetas com equipas de 2 atletas, sendo um mais forte e outro mais fraco, e onde cada equipa realizava 5 percursos (um atleta realizava 3 e outro realizava 2), com 4 passagens de testemunho.
Neste momento os atletas preparam-se para o treino da tarde que decorrerá no mapa Casa Branca com o objectivo de treinar a diferença entre navegação grosseira e precisa. Para a noite está planificado ainda um treino nocturno na Pastaneira.

António Aires
Director Técnico Nacional


[foto gentilmente cedida por António Aires]

Saudações orientistas.

JOAQUIM MARGARIDO

.

Sem comentários: