segunda-feira, 9 de março de 2009

TROFÉU DE ORI-BTT DE COZ: UMA GRANDE CERTEZA CHAMADA ANA FILIPA SILVA


ANA FILIPA SILVA - assim mesmo, com letras maiúsculas - foi a brilhante vencedora do Troféu de Ori-BTT de Coz, do passado fim-de-semana. Uma estreia auspiciosa no escalão de Elite Feminina nesta temporada e a promessa do muito e bom que está para vir.

Pequena freguesia a norte de Alcobaça, famosa pelo seu Mosteiro cisterciense, Coz recebeu no passado fim-de-semana a quinta etapa da Taça de Portugal de Orientação em BTT. Organizado pelo Clube de Orientação e Aventura, com os apoios da Câmara Municipal de Alcobaça e Junta de Freguesia de Coz, o Troféu Ori-BTT de Coz contou com a participação de 233 atletas, distribuídos por Formação, Competição e Abertos, num total de dezoito escalões.

O conjunto de provas ficou marcado pela anulação da etapa de sábado, no que ao escalão de Elite Masculina diz respeito, colocando em causa o esforço da maior parte dos atletas. Tudo aconteceu face à colocação dum ponto de controlo num terreno privado, cujo proprietário se lembrou de interditar com a prova já a decorrer. Os primeiros atletas ainda controlaram o ponto mas os últimos a partir já nem sequer chegaram a fazer a sua prova. Infelizmente este tipo de ocorrências insólitas vem surgindo com inusitada regularidade e, em Coz, bastou uma personagem zangada e mal humorada para pôr em causa todo um árduo e apurado trabalho organizativo.

Vitórias de Daniel Marques e Ana Filipa Silva

Na Elite Masculina, de nada valeram ao Desportivo Atlético Recardães e aos seus atletas Juan Jose Vasquez e João Ferreira, os excelentes resultados de sábado. O vencedor acabou por ser Daniel Marques (COC), cumprindo a prova em 1.21.14, contra os 1.29.58 de Mário Guterres (CP Telecom), segundo classificado. Demonstrando um bom crescendo de forma, o espanhol Juan Jose Vasquez (DA Recardães) alcançou o terceiro lugar com 1.33.32, seguido de Joel Morgado (COC) e do seu colega de equipa, João Ferreira, com registos de 1.34.58 e 1.39.06, respectivamente. De salientar o facto de João Ferreira ter arriscado nesta prova em “dar o salto” para o exigente escalão de Elite, com resultados altamente moralizadores.

Ana Filipa Silva (CPOC / Loja das Bicicletas) imitou João Ferreira e fez a sua estreia na Elite Feminina da melhor forma possível, com uma muito celebrada vitória no Troféu. Vencendo a etapa de sábado ante a consagrada Susana Pontes (CPOC / Loja das Bicicletas), a jovem e promissora atleta soube segurar muito bem a vantagem, não comprometendo o resultado final apesar do segundo lugar de domingo ante a sua mais directa rival. Os 199, 42 pontos de Ana Filipa Silva contra os 197,85 de Susana Pontes (no somatório de tempos a diferença entre ambas cifrou-se em 1.52), são bem a imagem do empolgante duelo travado entre ambas as contendoras. Rita Guterres, com uma prova de domingo absolutamente para esquecer, acabou por concluir na terceira posição, a distantes 24,41 pontos da vencedora.

Os restantes escalões


Nos escalões de formação, as vitórias sorriram a Pedro Neves (COC) e Ana Margarida Rocha (CIMO), enquanto João Palhinha (CPA Abrunhos) foi o vencedor em H17, Guilherme Marques (COC) triunfou em H20 e Nuno Alvarez (GDU Azóia) fez o mesmo em Jovens M B. No competitivo escalão de H21A, Davide Machado (.COM) não deu hipóteses à concorrência, somando por vitórias as duas provas disputadas. NO mesmo escalão, mas no sector feminino, Sandra Rodrigues (ADFA) foi a natural vencedora. Em H/D 21 B, o triunfo coube a Pedro Cruz (COC).

Passando aos Veteranos, Inácio Serralheiro (CN Alvito) e Alice Silva (GDU Azóia) foram os vencedores em H/D 35. Valdemar Oliveira (DA Recardães) triunfou em H40, ao passo que Luís Miguel Martinho (ATV) foi o vencedor em Vet M B. José João Moura (Clube EDP) e Luísa Mateus (COC) continuam imparáveis, levando de vencida o escalão H/D 45, o mesmo acontecendo com Luís Sousa (Clube TAP) em H50.

Foto gentilmente cedida por Armando Santos. Poderá visualizar as fotos da Cerimónia de Entrega de Prémios em
http://picasaweb.google.pt/armandilha7/OBTTCos?feat=directlink.

[A falta de elementos na página oficial da prova leva-nos a assumir como provisórios os resultados aqui apresentados. Esperamos poder brevemente confirmá-los, editar esta mensagem com a inclusão das classificações colectivas e levar até si o balanço de Afonso Pimentel, o Director da Prova]

Saudações orientistas.

JOAQUIM MARGARIDO

.

Sem comentários: