terça-feira, 31 de março de 2009

CAMPEONATO NACIONAL DE ESTAFETAS 2008 / 2009: A "DOBRADINHA" DO COC


São os dois títulos mais sonantes dos Nacionais de Estafetas e sorriram, pela primeira vez no seu historial, ao Clube de Orientação do Centro. Foi o quebrar dum ciclo dominado quase inteiramente pela ADFA e disso nos fala Tiago Romão e Patrícia Casalinho, dois esteios das equipas seniores da turma leiriense.

“Estou extremamente feliz, eu e toda a equipa. Foi uma vitória com um sabor muito especial. Basta olhar para os resultados dos três atletas do Ori-Estarreja nos Nacionais de Distância Longa e ver aquilo que fez aqui o CPOC para perceber que nos batemos com adversários muito fortes.”

“Ontem foi uma prova muito longa, muito dura. O meu adversário foi o Diogo Miguel, hoje voltou a sê-lo. Ontem cometi eu mais erros, hoje talvez tenha sido ao contrário. Mas não há cá nada de vinganças. É mesmo assim, gostei bastante.”

“O Ori-Estarreja tem atletas bem mais novos e que garantem mais continuidade. Mas nós também temos muito bons atletas e só o futuro o dirá. O COC entra sempre para ganhar e esperamos, no próximo ano, renovar este título.”

Tiago Romão

“Esta vitória tem um sabor especial. É o quarto ano em que estávamos a tentar arrecadar o título de Seniores Femininos e conseguimos quebrar sete anos de invencibilidade do ADFA. Era um título muito desejado por nós e foi vivido por todas com muita alegria.”

“Somos uma equipa muito jovem e seria óptimo que os próximos sete anos fossem nossos. Mas não podemos prometer isso. Podemos, isso sim, prometer que vamos tentar sempre chegar ao título.”

Patrícia Casalinho


Saudações orientistas.

JOAQUIM MARGARIDO

.

Sem comentários: