domingo, 2 de novembro de 2008

"ISTAMBUL 5 DAYS": FINAL EM GRANDE DE MANUEL DIAS


Chegam ao fim os “5 Dias de Istambul”, evento que trouxe às portas da Ásia muitos e bons momentos de Orientação. Manuel Dias fechou a sua participação em grande, alcançando um excelente 4º lugar no seu escalão. Jorge Simões acabou por perder algumas posições mas, ainda assim, o 14º lugar final coloca-o na primeira metade duma tabela muito participada e competitiva.

O esperado Sprint nocturno na última noite do mês de Outubro trouxe ao Grande Bazar de Istambul uma animação diferente. Como que por magia, as ruas iluminaram-se de gente correndo de mapa na mão e lâmpadas frontais, fazendo deste um Halloween diferente. Tal como a Organização previra, foram muitas as surpresas no que toca aos vencedores desta quarta etapa, mas os resultados não vieram influenciar significativamente a classificação geral (determinada pelo somatório dos tempos das cinco etapas).

No escalão M21A, Jorge Simões esteve menos bem que nas provas anteriores, concluindo no 19º posto com 20.46. Arpad Harkanyi (Hungria) cimentou a sua posição de líder, triunfando em 16.01. Contrariando a sua “aversão” por provas curtas e citadinas, Manuel Dias surpreendeu com um excelente 5º lugar em 25.47, com a vitória a pertencer ao eslovaco Stefan Maj, com tempo de 17.10. Desta forma, Dias ascendia à 5ª posição da Geral enquanto Maj tomava a dianteira, com uma vantagem de 1.13 sobre o finlandês Vesa Turku, para gerir na derradeira etapa.


Manuel Dias alcança o 2º lugar

Ainda mal refeitos das emoções da véspera, os participantes rumaram ontem à ilha de Heybeliada, já em plena Ásia, para a derradeira etapa da competição. Manuel Dias teve nesta prova de Distância Média o seu momento alto, terminando na 2ª posição com 37.29, a escassos 2.17 do vencedor, Vesa Turku. Stefan Maj baqueou nesta última etapa (não foi além do 4º lugar) e Turku arrebata assim a vitória geral da prova, com Bernhar Schilling (Suiça) a ser 2º classificado e Maj a quedar-se pela 3ª posição. Manuel Dias concluiu na 4ª posição, um lugar que sabe a ouro e premeia a determinação e as qualidades técnicas e físicas do atleta.

Jorge Simões voltou a não estar feliz. Apesar de não comprometer a classificação final, o seu 21º posto na etapa com 1.03.42 acabou por fazer com que perdesse três lugares e concluísse na 14ª posição entre os 29 atletas do seu escalão que lograram cumprir as cinco etapas. Arpad Harkanyi foi 2º na etapa mas venceu com alguma tranquilidade estes “5 Dias de Istambul”.




Bergman e Shandurkova imperiais

Quanto aos escalões de elite, Gustav Bergman (Suécia) e Iliana Shandurkova (Bulgária) foram duma regularidade extraordinária e a vitória final assenta-lhes de forma incontestável. Bergman só na derradeira etapa se deixou surpreender pelo seu grande rival, o britânico Nick Barrable, enquanto Shandurkova se via ultrapassada apenas na terceira etapa pela ucraniana Masha Semak. Na classificação geral, Barrable e Semak ocuparam os segundos lugares enquanto o búlgaro Lachezar Iliev e a sueca Anna Envall garantiram o terceiro lugar nos respectivos sectores.

Uma última referência para os atletas que afirmaram o seu domínio do primeiro ao último momento da competição, fazendo o pleno de vitórias nos respectivos escalões. Foram eles Linn Bylars, da Suécia (W18), Eila Pekkarinen, da Finlândia (W+70), Dimitar Zhelyazkov, da Bulgária (M12), Kalle Bergman, da Suécia (M16) e Beat Schaffner, da Suiça (M35).

Saudações orientistas.

JOAQUIM MARGARIDO

.

Sem comentários: